17.8.10

EXPRESSO DE PALERMO

Se Giorgio di Bufa, através da “expressa” entrevista de encomenda, conseguisse enganar os portugueses com todas aquelas hipócritas patranhas, da mesma forma que enganou, aquando da sua ida ao Vaticano com o seu séquito de mafiosos e respectivas – legítimas e ilegítimas - o anterior Chefe da Igreja Católica e seus demais conselheiros, quase de certeza que iríamos assistir, inacreditàvelmente, à sua sacrílega beatificação pela corja corrupta e pelos macacos morcões, em plena feira da Vandoma ou em algum “table dance” do Calor da Noite, com juízes piratas cantando-lhe hossanas nas respectivas liturgias, bebendo “flutes” de champanhe em sua honra, saciando virtualmente ou não, as suas sectárias vistinhas com os deslumbrantes materiais de serviço colocados ao seu dispôr, e com pelo menos, três “viúvas” carpideiras – as duas anteriores em pranto pela porrada, bofetadas e vexames que sofreram, e a outra esperançada neste dia – o dia final do careca velho e rico - após a censura feita no facebook.
Em suma, uma divina comédia!

A entrevista tenta uma mistificação sem precedentes, só comparada à alteração da data da fundação do grémio Fruta Corrupção & Putêdo, ostracizando assim, vergonhosamente, o verdadeiro fundador da colectividade, em tempos condenada por tentativa de corrupção.

Uma entrevista ridícula, eivada de hipocrisia, descaramento e mentiras.
Os seus assessores de imagem e especialistas em comunicação, bem se desdobram em múltiplas acções, no sentido de lavar a sua imagem suja, corrupta e miserável.
Como poderão fazê-lo numa criatura incorrigível, pacóvia e em acelerada decadência?
Só o conseguiriam se exterminassem mais de 60% da população Benfiquista deste país, e mesmo assim, ainda restaria a nossa Diáspora para denunciar esta cambada de andrades corruptos e mafiosos. Mas se pudessem, bem o fariam.
Todo o Benfiquista tem a obrigação e o glorioso dever de denunciar esta tramóia, igual a muitas outras, que fizeram com que Platini os apelidasse de Batoteiros da Europa.

Mas os Campeões da Trapaça de Palermo e o seu tenebroso líder não se ficam por aqui.
Intelectualóides e políticos morcões, alguns, autênticos parasitas a mamar do suculento mercado que a nossa capital, Lisboa, proporciona – escritores e pseudo escritores sectários e cegos, opinion makers e paineleiros ordinários, locutores, autênticos mercenários de Palermo em off e em on, jornaleiros e relatadeiros, todos anti-gloriosos – esfalfam-se, hoje, cantando loas e idolatrando um espécime que mais tarde ou mais cedo desaparecerá no lodo do pântano que criou ao longo de trinta anos e que levará com ele grande parte da pandilha que o acompanha.

Uma praga que pede meças a qualquer das sete que assolaram o Egipto no tempo dos faraós e de Moisés!

Esta semana todos ficámos a saber como ele trata os seus “amigos” e os seus “inimigos”, ao usar na sua linguagem bacoca, brejeira e ordinária, os mesmos vocábulos com que os supercabrões - propagandistas rascas do padrão às riscas azul e branco das barracas de praia - chamam às suas mães nos cânticos ofensivos ao Glorioso. Com este tipo de desculpas labregas, Giorgio tenta justificar todo o seu comportamento ao longo destes anos, mas que sòmente os seus prosélitos, morcões, andrades corruptos, “macacos” e “emplastros” vão aceitando mas nunca compreendendo.
O único neurónio, característica também única destas espécies não dá realmente para mais!

Ficámos a saber que à noite, fruta para dormir não é com ele. Chocolatinhos e café com leite também não.
chá, porventura gelado e de cascata!
Apito dourado? O que é isso?
Querem ver que nem o empresário proxeneta conhecia…
…nem sabia dos bilhetes corruptos para o indefectível juiz, assídua presença nos camarotes da Pocilga!
Nem sequer conhecia a família Duarte, pródiga em trapalhadas futeboleiras corruptas, em desavenças conjugais e episódios passionais - tal como ele - e ávida de um conselheiro matrimonial que residisse na Madalena…quanto mais!
Pudera…! Era “sempre em frente, sempre em frente”…!
Mas ficámos a saber que é torcedor do Çeportén como segunda escolha, pois é lá que estão os seus “amigos”. Pois é! Nada melhor do que num passado recente deixar aquele pateta de cabeça de algodão - que uma vez se pôs aos saltos, dizendo que “quem não salta é lampião” - de mão estendida, para agora poder cumprimentá-lo como ele gosta – “Tás bom?Ó fdp!”
A sua mente já está afectada e esqueceu-se das escutas telefónicas!

Um comediante. Muito mais do que isso, um mentiroso!
Ficámos também a saber que sofreu com o Glorioso e que agora lhe é indiferente.
Especialmente indiferente, quando perdia e ficava furioso em frente da amante, num hotel em Lisboa, ou quando se transformou em adepto do Celta de Vigo, ou ainda quando disse que o Benfica não contava para o “PIB” nacional, entre muitas e muitas outras declarações e situações vergonhosas, achincalhando sempre o Glorioso, protagonizadas ao longo de quase três décadas.
Então e a recente tentativa de rapinanço do JJ?
Descaramento e ordinarices, que noutras circunstâncias só mereceriam um caminho – a sarjeta porca e imunda de Contumil!

Completamente desacreditado, mesmo dentro das suas hostes, vive o ocaso da sua vida, dourado, tal como o apito, iludido pelas suas batotices e créditos corruptos no futebol, e pelas suas façanhas e escândalos passionais, largando metralha e assistindo, babado, ao degradante espectáculo que ele alimentou e estimulou durante anos - uma pandilha de chibos saltando e gritando desvairadamente que nem macacos loucos nos trapézios da Pocilga.
Sorvendo a porcaria do próprio chafurdo que criou, paradoxalmente, esse mesmo chafurdo, está a deteriorá-lo cada vez mais. Há gente, no grémio corrupto, saturada com esta vergonha quase indescritível e pergunta:
- Até quando? Sabemos já que largar, larga-se a torto e a direito, mas para quando o “mestre”?

Mas quando ainda aparecem engenheiros ilhéus e quejandos a engraxar-lhe os sapatos e presidentes submissos a vender-lhe jogadores cotados por metade da cláusula de rescisão, que mais irá acontecer?

GRÃO VASCO

4 comentários:

Anónimo disse...

ANTÓNIO AUGUSTO DIZ:
SUBLIME POST!

Anónimo disse...

PERFEITO

PALAVRAS PARA QUÊ ?
É UM ARTISTA PORTUGUÊS

BENFIQUISTA DO CORAÇÃO

Viriato de Viseu disse...

Aguarela reluzente !!!

TRAMONTANO disse...

Sera que quem de direito nao sente os efeitos desta chafurdice que tu tao bem retrataste.

Ainda hoje estive a ler uma entrevista do Dr, Ricardo do Costa, ex presidente da comissao de disciplina da liga reletando coisas gravissimas e este pais continua impavido e sereno.

Continuo a pensar que a instituiçao mais prejudicada por este bando de salafrarios e que representa mais de 50% da massa adepta deste pais e e ainda responsavel por mais de metade ras receiras geradas, nao tem força suficiente para se opor a este desvairio obrigando mesmo os usufrutuarios deste futebol corrupto sejam postos atras das grades.

Este teu post como outros que tenho lido vem ha longo tempo denunciando toda esta pandilha mas preocupa-me e surpreende-me o silencio ensurdecedor de quem diz defender a verdade desportiva e a instituiçao que representa.

Isto e que eu gostava de compreender.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...