19.1.12

Os "carniceiros" de "Palermo"



http://www.marca.com/2012/01/19/futbol/equipos/real_madrid/1326956531.html

O historial é extenso e a lista também.

Com o advento da livre circulação no espaço europeu, o futebol não foi excepção e o país começou a assistir à “exportação” maciça de jogadores de diversas equipas nacionais para o estrangeiro.

Com as ligações promíscuas e cúmplices mantidas com o meio empresarial do ramo, onde pontificavam figuras de passado duvidoso, “bruxos” e toda uma reles casta de aldrabões e trapaceiros, a “Palermo” portuguesa foi pródiga nas alegadas vendas de “gato por lebre”.

A maior destas evidências foi a célebre manobra que colocou Secretário no Real Madrid.

A saga continuou.

Uns, cêpos de nascença, pegaram de estaca no grémio da fruta e do putêdo, mantendo viva a bem conhecida “escola” de antanho, uma tradição trauliteira que se tem prolongado até aos dias de hoje. Os outros, que se safaram através de mirabolantes transferências, começaram a espalhar o seu “perfume” fedorento e intragável lá fora, bem à imagem do seu líder corrupto.

João Pinto, André, Fernando Couto, o “grande carniceiro” Paulinho Santos, Secretário, Pedro Emanuel, Pepe, Bruno Alves e muitos, muitos outros, fizeram parte deste exército de trogloditas, imagem de marca de um grémio que complementava esta carnicería com viagens ao Brasil pagas a árbitros, ofertas de fruta em bandejas “douradas”, metamorfoseadas em putêdo, quinhentinhos e mais recentemente em lautas e garridianas mariscadas em Matosinhos.

Na senda deste histórico de cacetadas e trapaças, surgem as mais recentes “exportações”, das quais se destaca a ida para o Real Madrid, de Pepe, um “carniceiro alucinado” que já levou dez jogos de suspensão por agressão (e logo no Real Madrid!), mas que durante o tempo de impunidade no grémio da fruta corrupção & putêdo distribuiu “fruta” à tripa forra sem que os zelosos apitadeiros da nossa praça, mancomunados com a corja corrupta, o colocassem na linha.

Ontem, como fiel seguidor e aluno dessa “escola” caceteira do seu antigo grémio fez mais das suas.

As fotos e o artigo que foi extraído do jornal desportivo espanhol MARCA, reflectem à saciedade como através deste tipo de jogadores se ganharam e ganham campeonatos em Portugal de há trinta anos para cá.

É caso para dizer, no sentido negativo do adágio:
"Quem sabe, nunca esquece!"


Este artigo, deste blogger, também vem publicado na MARCA e não fala sòmente de Pepe.
Também o especial de corrida é visado, pois é evidente que também tem responsabilidades no "cartório".


E depois ainda vem aquele imbecil do Guilherme Aguiar falar sobre o Javi García...
Comparado com esta corja de trogloditas, o murciano do Benfica é um autêntico menino do coro...

GRÃO VASCO

3 comentários:

Águia Skywalker disse...

Nem mais...!
E ainda se admiram quando digo que tenho vergonha da "nossa" selecção...

GuachosVermelhos disse...

Uma besta que por mim nunca poria o pé na selecção!
Alem da vergonha que o Barça lhes faz passar são com cães raivosos sem saber perder!
Escola da cedofeita é o que é...

Águia Eterna disse...

Glorioso GRÃO VASCO, assini por baixo o teu Post. Essa gentalha que passou por contunil/antas dos corruptos só merece DESPREZO e castigo SEVERO.
Quanto a esse EXECRÁVEL REPELENTE do guilherme ALGUIDAR, o que ele precisa é de um "tratamento" DENTÁRIO OU rotuliano.
oDEIO TANTO ESSE indivíduo QUE SE ELE morrer PRIMEIRO DOM QU EU abro uma GARRAFA DE CHAMPANHE.
BENFICA, SEMPRE,SEMPRE,SEMPREEEEEE.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...