15.5.12

Roberto Mancini, um ganhador!



Ma vincere anche in Spagna è il suo sogno
«Vincere all’estero è il mio sogno. Sì, mi piacerebbe conquistare la Liga ma anche lo scudetto portoghese con il Benfica. Ci sono club che hanno fatto la storia del calcio: io sono pronto a tutto, ma ora penso solo al City».
- Roberto Mancini em entrevista ao Corriere dello Sport

 
 
Mas vencer na Espanha é o seu sonho.
 "Ganhar no estrangeiro é o meu sonho. Sim, eu adoraria ganhar a liga espanhola, mas também o campeonato português com o Benfica. Há clubes que fizeram a história do futebol: estou pronto para tudo, mas agora só penso no City ".

Roberto Mancini nasceu em Jesi, Itália, a 27 de novembro de 1964. Ex-avançado italiano, dirige acualmente o Manchester City.

Carreira

Como jogador

Mancini jogou pelo Bologna, Sampdoria, Lazio e Leicester City. Na Sampdoria formou uma óptima dupla de ataque com Gianluca Vialli, que levou o clube para seu único Scudetto em 1991, quatro Coppa Italia (1985, 1988, 1989 e 1994) e uma Copa da UEFA, em 1990.

Já na Lazio, Mancini conquistou o seu segundo Scudetto, em 2000, e sua segunda Copa da UEFA, em 1999 e também mais duas Coppa Italia, em 1998 e em 2000.

Apesar de seu sucesso como jogador, Mancini nunca se tornou titular da Selecção Italiana. Ele só disputou 36 partidas e marcou 4 golos pelo seu país e seu principal feito foi participar da Euro 1988 e da Copa do Mundo de 1990.

Como treinador

Depois de encerrar definitivamente a sua carreira de jogador, Mancini foi convidado a treinar a ACF Fiorentina por 1 temporada. Na temporada 2002/03 voltou à Lazio, para ser o treinador principal, antes de se transferir para a Internazionale, em 2004.

Mancini ganhou a Coppa Italia com a Fiorentina (2001) e com a Lazio (2004). Dirigindo a Inter, conquistou duas Coppa Italia (2005 e 2006), duas Supercopas (2005 e 2006) e três Scudettos (2005/06, 2006/07, 2007/08), transformando-se assim, no mais bem sucedido técnico do Inter nos últimos dez anos.


Manchester City

Internazionale

Lazio

Fiorentina


Como jogador

Sampdoria

Lazio

(elementos retirados da Wikipédia)


Caros Companheiros,

O curriculum de Roberto Mancini diz tudo. A sua vontade, o seu desejo também.

O meu desejo, é que no Benfica haja visionários que na hora certa coloquem este homem à frente dos destinos do nosso futebol. Daqui a uns tempos, para um técnico destes o dinheiro não será problema. Poderá contar sim, para as exigências que ele fará na aquisição de alguns jogadores chave.

Assim o destino queira que o futuro de Mancini passe pelo Benfica.

Porque razão nem sequer terá falado no grémio dos trapaceiros do Freixo, esse colosso da vigarice e da corrupção, ainda que o tivesse defrontado esta época na Europa Cup?

No mínimo curioso, não é?

Até lá!


GRÃO VASCO

3 comentários:

Águia Eterna disse...

Afinal ainda há pessoas HONESTAS e INTELIGENTES neste maltratado Planeta.
Felicidades e longa vida para o Robert Mancini.

BENFICA, SEMPREEEEEEE... O MAIOR E O MELHOR.

Manuel disse...

Atenção Grão Vasco, que se ele vier para o Benfica já há para aí muitos desses benfiquistas que pensam que percebem de bola já prontos para lhe fazer a folha e a cama! Como fizeram ao Roberto e ao Emerson!

POC disse...

Enorme Mancini. Enorme.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...