3.10.12

A vida continua…

 

Se há momentos em que podemos aquilatar a nossa real dimensão, ontem, durante noventa minutos no Estádio da Luz, pudemos ter essa fria percepção.

O Barcelona, já de si um colosso futebolístico, presenteou a Europa e o mundo com uma exibição soberba, perante o meu/nosso Benfica que se bateu dignamente com as suas armas.

No final do jogo, Aimar, com a lucidez e simplicidade que o caracterizam, disse:
 - “Só há uma bola em jogo e é deles”.

Lapidar.

O Benfica, os Benfiquistas e o Estádio da Luz puderam ter o privilégio de receber e ver jogar a equipa que considero ser a melhor equipa de toda a História do Futebol.

No presente, difìcilmente haverá uma equipa que consiga vencer os catalães, que “só” têm dois dos melhores jogadores eleitos pela UEFA – Messi e Iniesta – e depois uma plêiade de executantes de elevadíssima craveira técnica.

Cansa vê-los trocar a bola com, aquela incrível e rápida precisão, e ver a nossa equipa, os nossos jogadores, a olharem para ela, mas é absolutamente fantástico concluir que quase não há limites para os catalães.

E Messi, realmente, é algo que transcende a realidade.

Duas arrancadas, dois golos do Barça e uma das suas melhores exibições na Champions League.

Parabéns ao Barcelona.

Mas acima de tudo parabéns ao Benfica e especialmente aos nossos briosos jogadores. Uma menção especial para Matic, Salvio e Melgarejo, que demonstraram a garra e mentalidade necessárias para continuarmos determinados no caminho de novas vitórias.

Mas, não esqueçamos, há muito mais vida para além de Barcelona e o jogo com o Beira-Mar é já ali…

 
GRÃO VASCO

6 comentários:

GRÃO VASCO disse...

Olha Rui,

Vou ser pela primeira vez, para ti, e porque já andas a merecê-lo há muito tempo, curto e grosso.

Ainda tu andavas a nadar nos colhões do teu paizinho, já eu via futebol e o Benfica.

Os teus comentários revelam acima de tudo frustração, mas não penses que eu ou o blogue são locais para descarregares a tua ignorância e falta de capacidade na interpretação daquilo que aqui lês e para veres mais além do que os teus olhos enxergam.

Milagres só na tua estúpida cabecinha, pois quando eu falei em possibilidades, tinha e tenho a perfeita noção da diferença de valores existente entre o Benfica e o Barcelona.
Mas é por por isso também que o futebol tem um sortilégio especial - às vezes os favoritos perdem, como o Barcelona e o Real Madrid perderam a Taça dos Clubes Campeões Europeus em 60/61 e em 61/62 para o Benfica, só para te dar os mais flagrantes exemplos que aconteceram com o Glorioso.

Percebeste agora ou queres que te faça um desenho à tua dimensão?

E ficas a saber que, ou escreves sem a agressividade pessoal que destilas nos teus gatafunhos, ou eu não te publico mais nenhum comentário, como não te publiquei o último.

Se ficaste incomodado com o que te disse agora, não voltes cá mais.

Cmpts.

Primal_X-man disse...

Enormíssimo Grão Vasco permita-me que discorde de si quando afirma que o Barça é a melhor equipa de toda a história do futebol.

Primeiro porque comparar equipas de espaços temporais diferentes é muito relativo.

Talvez tenha razão se considerarmos somente equipas de clubes, mas temos que convir que por exemplo o Brazil de 70, a Holanda de Cruyff e mais tarde de Koeman, Gullit, Rijkaard, e Van Basten. E ainda temos a sempre presente Alemanha (o futebol é um jogo de 11 contra 11 e no fim ganha a Alemanha) eram tambem super equipas.

Mas mesmo a nível de clubes temos o Benfica bicampeão europeu (tenho pena de nunca ter visto jogar essa geração) o Real de Puskas e o Real da “Quinta del Buitre” o Milan o Man U e o próprio Barcelona tive equipas de “igual” gabarito.

Agora o futebol evoluiu, e a meu ver bem, para um para um nível que os jogadores das equipas que mencionei, nunca tiveram acesso. As tácticas são diferentes, o conhecimento de potenciar o rendimento humano (nutrição, condições e métodos de treino) são diferente. Até as regras são diferentes, fazendo que de certa forma o futebol se tenha tornado num jogo algo diferente. Quero dizer que por exemplo as regras de protecção aos fantasistas (em boa hora implementadas) mudaram o jogo em si. O Messi por muito bom que seja nunca passaria vezes sem conta por um Beckenbauer ou um Baresi sem levar uma valente pantufada que o faria pensar duas vezes em ser um “brinca n’arreia”.

Por outro lado, a mim o Barça aborrece-me de morte (a não ser nos momentos mágicos da “pulga” Xavi e Iniesta e companhia quando realmente decidem atacar). Ao ver os dois centrais a trocarem passes entre si vezes sem conta quase que adormeço.
E depois são matreiros e indecentes simulando lesões, atirando-se para o chão ao mínimo toque. Mas quando defendem podem entrar com toda a raça e virilidade que quiserem. Ontem por exemplo deviam ter sido expulsos 3 dos seus jogadores. Para além de Busquets, Pedro por entrada para segundo amarelo sobre Gaitan, Jordi Alba, salvo erro, vermelho directo por entrada maldosa sobre Enzo Perez.

P.S.- Bem haja pelas simpáticas palavras que deixou lá no meu blog. Ter uma pessoa da sua estatura e eloquência no mundo “Bogleiro”, elogiar o meu trabalho é muito reconfortante.
E respondendo a sua pergunta, sim vivo em Oxford. Cidade “interessante” e calma se não conhece têm de vir cá conhecer e talvez tomar uma cerveja e falar do nosso Benfica.

GRÃO VASCO disse...

Meu Caro e Glorioso Primal_X-man,

Estive em Inglaterrs por duas vezes. Já lá vão muitos anos. Uma vez como prémio de trabalho, passei uns dias em Londres e na vez mais recente estive em trabalho em Newcastle upon Tyne com escala em Londres.
Gostaria um dia de voltar e beber a tal "lager" da ordeme e dar dois dedos de laracha àcerca do nossos Benfica. Mas hoje e num futuro já vai ser difícil.

Quanto à melhor equipa do mundo as opinioes são assim mesmo - diferentes.

Vi o Benfica dos anos 60, em directo muitas vezes e depois ao vivo. Vi pràticamente todas as equipas que o meu Caro mencionou e até sei de algumas anteriores a 60 que foram "times" fabulosos - da Europa e da América do Sul, caso do San Lorenzo de Almagro que até efectuou uma digressao pelo nosso continente epelo nosso país.

Na realidade vi jogar já muitas e muitas equipas, quer de clubes quer de selecções.

Nunca vi nada como este Barcelona, e note-se, não sou fã do Barça. Podem dizer que o jogo é "chato", é isto, é aquilo ou aqueloutro, mas a verdade é que a equipa e os seus jogadores são uma verdadeira máquina de jogar futebol.

E eu não comparei. Só disse que para mim é algo de extraordinário esta equipa catalã. Lembro-me de Ajax, Bayern, etc., etc., etc., mas nada se compara com esta superioridade que por vezes raia a fronteira da soberba, mas a realidade é que em 18 títulos recentes, o Barcelona "limpou" catorze.
É impressionante!

E para terminar, é importante referir o seguinte. O Barça não tem culpa que as outras equipas não consigam neutralizar o seu jogo. Podem fazê-lo uma ou outra vez, mas o que é certo, mesmo as actuais grandes equipas ficam completamente atemorizadas e nem sequer fazem o "pressing" alto, pois é a única maneira conhecida de atrapalhar esse jogo.
Porque não o fazem?

Cmpts. e Saudações Gloriosas

Frank disse...

Caro Grao Vasco li varios posts acerca do jogo o Benfica Barcelona por essa blogsfera fora e nao li nenhum tao lucido como o teu eu subscrevo tudo mas mesmo tudo quanto escreveste,se eu soubesse escreveria exatamente igual porque e assim que se escreve e contra factos nao a argumentos parabens uma vez mais amigo.
Este Barcelona por muito que embirrem com ele e o Messi de facto e uma super equipa la de vez em quando aparece um Real,ou um Chelsea que os trave mas e coisa rara so nao ve assim quem e cego,Benfica a parte esse e desde o berco ate a morte que esta em meu coracao,a seguir simpatizo com Real Madrid mas nao sofro se perde ou empata por isso estou a vontade para dizer que este Barcelona e realmente de outra Galaxia perder com ele e das coisas mais naturais no mundo do futebol.

GRÃO VASCO disse...

Meu Caro e Glorioso Frank,

Há quanto tempo!

Fico contente por ver que estás bem e que vieste dar a tua opinião.

A realidade é bem aquela que referiste. Como se diz na minha santa terrinha - "não há pai para o Barça". E eu até nem sou fã deles. Mas que jogam que se fartam, ai isso jogam.
Uns dizem que é um jogo "chato". Não é "chato", cansa mas é só de ver. E para fazer aquilo é preciso pertencer a uma élite de executantes ímpar. E eles pertencem a essa élite e fazem por isso.
O resto, que se vê e ouve pela net fora é conversa da treta!

Saudações Gloriosas.

Frank disse...

Caro Grao Vasco tenho andado por ai,sempre leio o teu blog so que nao tenho postado,mas nao posso passar sem ler as verdades que escreves e com aquela garra com que defendes o Benfica dizendo verdades desmascarando toda essa escumalha sem vergonha que inunda o desporto Portugues com valentia gostaria imenso de te ver no lugar de alguns paineleiros que representam o slb que ate me metem do da forma que defendem o nosso clube, contigo tenho a certeza iriam ter troco a altura,quanto ao Barcelona nada a fazer calhou-nos a fava na liga dos campeoes temos que enfrentalos da melhor forma que pudermos,saudacoes gloriosas para ti tambem.
frank

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...