16.1.15

A LENDA e os mendazes



Todos aqueles que durante a última trintena de anos e mais recentemente nas semanas finais da sua vida e depois, após a sua morte física, se atreveram e atrevem a propôr comparações de Eusébio com qualquer outro futebolista, cometeram e cometem o maior e mais insano ultraje ao seu nome e à sua memória!

 

Perante tal ignomínia, o destaque vai em especial para gentalha afecta a fc porto – e hoje escrevo textualmente o nome deste grémio para não deixar em ninguém a mínima dúvida – o clube condenado por corrupção tentada, que detendo a rédeas de muitos poderes em muitos sectores da nossa sociedade, em especial nos mídia tem, através dos seus lacaios e peões de brega conduzido uma campanha vergonhosa e truncado sistematicamente a verdade, na vã tentativa de apagar o nome de Eusébio, sobrepondo-lhe outro ou outros. A acolitar esta corja, seguem-se os ressaibiados de sempre do sporting cp, que nunca aceitaram a supremacia de um clube que se tornou por demais evidente quando Eusébio & Cia. colocaram o Benfica no topo do futebol mundial e europeu na década de 60 reduzindo o seu rival a uma insignificância humilhante.

 

O que me ficou inicialmente na retina e no ouvido, relativamente a estas campanhas indecentes, foram diversas acções da RTP através de um dos seus pivôts mais sectários e mais manipuladores – Hugo Gilberto - e de mais alguns órgãos da Comunicação Social, desde outras tv’s, passando por estações de rádio, jornais desportivos e generalistas, onde anti-Benfiquistas primários e por consequência antis Eusébio, ao empenharem-se a fundo com o objectivo de apagar o seu nome da história do futebol português, já que a nível internacional, mesmo com os mediatismos de hoje seria absolutamente impossível isso acontecer.

Estes fulanos, com Eusébio ainda vivo, tiveram o atrevimento de encetar esse tipo de comparações absurdas e inqualificáveis.

 

Nada entre Eusébio e qualquer outro é comparável. O espaço e o tempo, o país, a mediatização, as condições, os acessos, a ciência e as tecnologias, a medicina desportiva, as dificuldades, os meios, os clubes, nada é igual a outrora, e mesmo muitas das pessoas dos anos 60 não são òbviamente as mesmas de hoje.

A maioria das pessoas de hoje nunca viu Eusébio jogar.

 

A encenação que a Federação Portuguesa de Futebol fez na gala comemorativa do seu centenário em redor de uma votação à partida inquinada de vícios, omissões, critérios à la Palermo, conveniências de ocasião – a vassalagem a empresários - habilidades saloias e muitas coisas mais, foi um dos maiores desastres do futebol indígena. Com a particularidade de todos os anúncios sobre as votações terem sido transmitidos em directo pela RTP, acompanhados de muitas desculpas, múltiplas justificações e explicações por parte do apresentador. Mas a realidade é que o nome de Eusébio foi jogado à lama por manigâncias e manipulações mais do que evidentes.

Nem sequer entrarei em detalhes porque não valerá a pena.

A gentalha da federação e o séquito que corre atrás de Jorge Mendes e do seu apoderado, parecendo bichanos à espera das migalhas que caem da mesa farta e rica, e onde lamentavelmente terei de incluir surpreendentemente a passividade de Humberto Coelho perante tantos atropelos, já vivia numa obsessão mórbida. Ou era agora ou nunca. Conseguiram-no, mas não tardará o tempo em que a verdade será reposta e tudo colocado no lugar devido.

Mas o mal está feito!

 

Carta/comentário enviado a um jovem Benfiquista relacionado com um post seu, no seu blogue - Hora de Benfica -  e que o mesmo publicou na sua página pública de comentários, sobre a justiça e a injustiça de uma escolha inquinada.

 

Caro Benfiquista,

 

A tua informação sobre o modo como foi escolhido o "melhor jogador de sempre" do futebol português está incorrecta!

 

Todos os Benfiquistas têm a obrigação e o dever de serem exigentes e rigorosos consigo próprios na recolha de informação e neste caso particular ter uma atenção muito especial, porque o nome de Eusébio tem sido ostracizado muito ràpidamente depois da sua morte com todo o tipo das manigâncias que estão por detrás desta ou de outras escolhas.

 

Justa a escolha?

Categòricamente NÃO!

Mentiroso e manipulador o resultado apregoado alto e bom som no Casino Estoril?

SIM!

 

Só no que refere aos recordes, todos deveriam ser muito mais exactos na forma como os apresentam e os mencionam.

Eusébio tem um série deles a que nunca nenhum jogador português conseguirá chegar.

 

Quando se elabora um texto como o apresentado aqui, deve ser-se rigoroso nas fontes e não dar uma única hipótese ao "inimigo", e o facto é que a votação não foi só através da Internet.

25% do seu pêso tem origem nos dirigentes da FPF. Outros 25% na comissão organizadora da gala. Outros 25 nos jornalistas e jornais (com o record das pêtas à cabeça), creio que desportivos (não sei se os generalistas estão incluídos). E só 25% é que estão relacionados com a votação online, o que deixa o rigor e o critério pelas ruas da amargura.

Mais uma achega. Eusébio, no seu apogeu, foi visto a jogar por pessoas que hoje têm uma idade superior a 60 anos. Se a população portuguesa com essa idade ou superior não atinge sequer os 25% e se desses 25% só uma pequena percentagem manuseia um computador e mexe razoàvelmente na internet, pergunto que credibilidade, rigor, ou valor terá uma eleição deste tipo?

Resta ainda saber mais pormenores. Se Eusébio ficou a 1% do 1º lugar, quem votou em quem? Quem não terá votado prioritàriamente no seu nome?

Mesmo assim, seria importante saber como é que a eleição se processou em termos de cada 25%.

Como é do conhecimento geral, esta votação foi claramente inquinada ou viciada desde o seu início. Por isso não votei. E não será difícil adquirirem-se vários endereços para votar mais do que uma vez. Por isso não embarquei nessa farsa. Sim, porque essa noite foi a maior farsa da história do futebol português com escolhas altamente polémicas e muito duvidosas.

A FPF e muitos outros órgãos estão nas mãos de gente ligada ao anti-Benfica e que são por natureza anti-Eusébio. Tem sido evidente nos últimos tempos a campanha rasteira de tentar apagar o nome de Eusébio. A RTP, através de muitos dos seus colaboradores, em especial os que estão ligados ao grémio do qual o presidente da federação foi dirigente e é sócio, tem tido um papel preponderante nesta canalhice.

E meu Caro, o que fica para a história, de uma federação pequenina controlada pelo clube condenado por corrupção tentada é exactamente o resultado e a manipulação conseguidos com uma escolha que é de todo truncada e injusta!

Por isso discordo em absoluto da primeira parte do teu texto.

Creio que a juventude e a tua idade terão um pêso especial no teor do texto. Por isso te ALERTO aqui para algumas incorrecções que num futuro, daqui a uns anos, quando tiveres a minha idade não teres argumentos válidos para poder contestar o que foi uma autêntica barbaridade. Prevenir, nestes casos, é o melhor remédio. Contestar, a nossa obrigação como Benfiquistas.

Haveria muito mais para dizer mas por agora chega.

Nenhum Benfiquista que se preze deveria elaborar um texto em que algumas partes vão exactamente de encontro ao que aqueles que magicaram esta gala pretenderam e pretendem. Lamentàvelmente, tenho encontrado muito disto na blogosfera Benfiquista. Alguns de gravidade extrema, o que felizmente não é o teu caso.

 

Nunca digas que a votação foi justa. Isso é dares de bandeja o ás de trunfo ao adversário, ao inimigo. E é isso que eles querem. Quanto mais Benfiquistas a reconhecerem a fraude, melhor!

 

Saudações Gloriosas!

 

 


GRÃO VASCO

5 comentários:

Papoila Saltitante disse...

Meu caro obrigado por publicares esta carta, ainda não a tinha lido.
Saudações.

Benfiquista do Coração disse...

Perante isto a ciência cala-se

Assino por baixo

Era importante saber os nomes dos responsáveis por 75% dos votos

O povo só teve direito a 25% dos votos

Por isso esta "chapelada" eleitoral vale o que vale. Para mim vale zero


se esta eleição fosse universal como qualquer eleição politica Eusébio ganharia por maioria absoluta

Éusébio da Silva Ferreira continuará o REI no coração da maioria dos portugueses que é onde um rei deve estar

E que dizer ao deixarem de fora um homem que levantou 2 taças dos campeões de seu nome Josè Águas?

Anónimo disse...

1- TEXTO QUE DEVIA SER ESPALHADO PELA NET.
2- PEDRO RIBEIRO dito benfiquista hoje no mais futebol da tvi24 espalhou-se na defesa do Eusébio. Com benfiquistas destes...
Para mim Ribeiro é finito

3-Bruno de Carvalho insurge-se contra "impedimento"
de Miguel Rosa e Deyverson
líder leonino relembra "caso abdoulaye"
06-12-2014, às 23:43
"Enquanto os nossos rivais ficam com os 'ases',
(...) ao Sporting continuam a calhar apenas os 'duques'",
criticou o líder leonino...

E NÓS DIZEMOS
QUE ENQUANTO AOS OUTROS
AS BARREIRAS FICAM A ONZE PASSOS
AO SPORTING FICAM A 14,5 PASSOS

ANTI-GEBOS disse...

ELES ASSUSTADOS ESTÃO A VER QUE SÓ
OS APINTADORES OS PODEM SALVAR
DAÍ FAZEREM TODA ESTA PRESSÃO.

MESMO ISTO DOS PRÉMIOS
SE INSERE NESTE PACOTE DA PRESSÃO

ATENÇÃO A ISSO

ESTE CLUBE COM VERDADE DESPORTIVA NESTE
CAMPEONATO JÁ ESTARIA BEM MAIS LONGE DO BENFICA
(8 PONTOS. TÊM 8 PONTOS 8 A MAIS.
ESTARIAM ENTRE 12/14 PONTOS). APONTA RUI SANTOS
NÃO VIRES A CARA PRÓ LADO. VÁ LÁ NÃO TENHAS MEDO
ENTÃO ESSA CORAGEM???????

ATENÇÃO RUI SR RUI SANTOS E RESTANTES CUMENTADEIROS
PAÇOS-PORTO NO FINAL DO JOGO
PENALTI VERGONHOSO (QUASE ARRANCANDO O PESCOÇO)
COMETIDO POR INDI --------E 2 PONTOS
PORTO-BRAGA, PENALTY ESCANDALOSO NO FINAL DO JOGO
E 2 PONTOS A MAIS
ESTORIL-PORTO------E VAI MAIS 1 PONTO A MAIS
E PORTO-RIO AVE -----3 PONTOS A MAIS
COMO A SEGUIR SE EXPLICA:

Com o devido respeito, COPIADO da net

"O Maior ROUBO DE IGREJA em mais de 20 anos
Porto-Rio Ave (30/11/2014)

A. Jogar contra adversários cansados.

Rio-Ave jogou na Ucrânia (4000km) na 5ª feira para
a Liga Europa e jogou para o campeonato no domingo
contra o FC Porto. (menos de 3 dias de descanso)
Estoril jogou em casa na quinta-feira para a Liga Europa
e jogou para o campeonato na 2ª feira. (4 dias de descanso)

Por contraste, na semana anterior:
Estoril jogou na Rússia (4000km) na 5ª feira para a Liga Europa
e jogou para o campeonato no domingo contra
o FC Porto. (menos de 3 dias de descanso)
Rio-Ave jogou em casa na 5ª feira para a Liga Europa
e jogou para o campeonato na 2ª feira. (4 dias de descanso)

Resumindo, os adversários do Porto tiveram os dois
menos de 3 dias de descanso depois de terem feito
cada um 4000km de viagem. Nos outros jogos
Rio Ave e Estoril tiveram 4 dias de descanso.

B. Escolha meticulosa do árbitro Olegário Benquerença
, genro do António Garrido:

1. Minuto 27: Cotovelada de Marcano sobre o jogador
do Rio-Ave (aqui). Livre perigoso mas marca livre contra o Rio Ave.
2. Minuto 28: Brahimi pontapeia um jogador do Rio-Ave
fora das 4 linhas (aqui). Amarelo por mostrar.
3. Minuto 47: 1º Golo do FC Porto precedido de
agressão de Jakson Martinez sobre Marcelo (aqui).
Seria amarelo e livre. Tello ficou com caminho livre para marcar.
4. Minuto 49: Penalti por marcar por derrube
de Danilo a Zeegelaar dentro da grande área portista (aqui).
Penalty e amarelo por mostrar.
5. Minuto 52: Penalti por marcar por mão clara
na bola de Herrera dentro da grande área portista (aqui)
. Penalty e amarelo por mostrar.
6. Casemiro na grande área do Rio Ave derruba
sem bola um defesa. 2º amarelo e consequente expulsão.

C. O golpe de misericórdia. Descomplicado o jogo, vieram os golos:

7. Minuto 78: 2-0 por Jackson Martinez.
8. Minuto 89: 3-0 por Alex Sandro.
9. Minuto 91: 4-0 por Óliver.
10. Minuto 93: 5-0 por Danilo.

De uma derrota clara para uma goleada em hora e meia!

D. A cereja no topo. O branqueamento.

- O presidente do Rio-Ave tal como o treinador
Pedro Martins assobiaram para o lado e justificaram
o silêncio por causa do resultado desnivelado...!
- Lopetegui esqueceu-se rapidamente o discurso da arbitragem.
- A comunicação social assinalou os erros
e rapidamente virou de página.
- Os comentadores desportivos tiveram a
coragem de afirmar, como o jornalista andrade Bruno Prata,
que "não foi um jogo marcado pela arbitragem"...

Anónimo disse...

Pergunta aos inteligentes adeptos do clube da fruta

Como é que uma organização FPF poderia dar uma
medalha a um dirigente de um clube
quando o dirigente dessa organização FPF
trabalhou nesse clube e viu como essas vitórias foram feitas

Só se o homem fosse parvo
e destituido de bom senso

Convem não esquecer que esse clube assumiu
um castigo na praça pública por conduta condenável

pergunta-se a esses inteligentes

E os senhores davam essas medalhas
sabendo de tudo ???????????????

Se calhar davam, porque.
-ou não têm vergonha
-ou em 30 anos de frutaria tudo foi normal

Quanto ao Pedroto
depois do que João Rocha antigo
presidente do Sporting disse e nunca desmentido
(´verbas para árbitros)
como poderia ser premiado

Neste aspeto a FPF esteve bem
porque teve memória e vergonha

PS- medalhas merecias a minha avó que era uma santa senhora
que só ia à Galiza para ir em peregrinação a Compostela
em autocarros e de dia

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...