30.9.15

Um perigoso na Madeira





Depois de Madrid, num jogo com o Atlético local, que pelas suas características terá uma intensidade elevada e independentemente do seu desfecho, o Benfica rumará à Madeira para jogar com o União, tendo em conta o seu objectivo primordial da época – o Campeonato Nacional.

 

Um jogo de dificuldade mediana que poderá transformar-se num transtorno com as apitadelas sempre perigosas de Cosme Machado, um apitadeiro que em época recente conseguiu retirar o Benfica da corrida ao título logo à 1ª jornada, tendo uma prestação miserável na Luz, num celebérrimo Benfica-Académica disputado em 15 de Agosto de 2010 e em que conseguiu escamotear cinco penaltys à equipa do Glorioso, derrotando-o por 2-1. De então para cá e após violentas e duras críticas sobre esse “gamanço” perante quase 50.000 adeptos benfiquistas, as suas ferozes e parciais actuações contra o Benfica amainaram, não sem que continuem na miserabilidade inerente a quem se predispõe desde há muito a olhar com uma candura protectora para a morcanzoada da pocilga da Palermo portuguesa, beneficiando-a assim, directa ou indirectamente consoante os jogos que apita.

 

Portanto e dadas as “credenciais” azuis e broncas “à moda de Famalicoun…eeee” e ao cadastro anti-Benfica que o dito cujo apresenta, Rui Vitória e seus pupilos que se cuidem!...

 



GRÃO VASCO

1 comentário:

Anónimo disse...

CONCORDO
NOMEAÇÃO ESCOLHIDA A PRECEITO

MAIS UM OBSTÁCULO

CADA VEZ SE NOTA MAIS
QUEM TEM QUE SER CAMPEÃO

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...