1.5.11

O enxovalho continua...


Será que este gajo quando hoje fez aquelas "judiarias" todas ao Jardel, acabando por expulsá-lo, estaria a pensar que o afastaria do jogo de Braga na próxima quinta-feira?


Não foi por acaso que Vítor Pereira e seu bando nomearam este lacaio da camarilha do Freixo, para o jogo do Benfica esta tarde, no Algarve.

O Benfica foi mais uma vez enxovalhado. Hoje foi em Olhão e assim continuará a ser, enquanto os altos responsáveis do clube, com Luís Filipe Vieira no topo, não tomarem uma posição de força perante estes contínuos abusos. Tenho a certeza absoluta de que todo o Povo Benfiquista ao primeiro sinal revoltar-se-á tão a sério que esta trupe do apito ficará em maus lençóis.

Mas não foi só o “Benfica-Instituição” que foi alvo deste torpe enxovalho. O primeiro alvo foi Jardel, vá lá saber-se porquê…
O ar de incredulidade do nosso defesa quando viu o segundo cartão amarelo e a consequente expulsão, diz bem da forma premeditada e velhaca como Vasco Santos actuou. Sem que nada o fizesse prever, pois o jogo decorria numa toada morna, sem qualquer tipo de incidências agressivas ou violentas, Vasco Santos tratou bem cedo e após o 1-0 do Benfica, de fazer o “trabalhinho” que se impunha.

É aqui, nestes jogos e nestes pormenores que este tipo de apitadeiros mostra a sua devoção e vassalagem à “Cosa Azul Corrupta” e a todos os Lourenços Pintos da nojenta arbitragem que temos.

Jardel, jogador que até agora tem pautado a sua conduta pela lealdade, impondo a sua envergadura física, mas sem qualquer tipo de agressividade grosseira ou maldosa, foi alvo de uma perseguição premeditada e miserável. O primeiro cartão amarelo é qualquer coisa de incrível e fazendo uma retrospectiva sobre este tipo de lances e sobre outros jogadores, pergunto, por exemplo, quantas vezes este habilidoso apitadeiro expulsou Bruno Alves, o Tigre da Malásia, hoje a jogar na Rússia.

Vasco Santos é mais um. Dos muitos que sabem que o apito tem de ter a cor azul corrupta e som anti-Benfica.
Na parte final do jogo, inclinou o campo a pique na direcção da baliza de Roberto. Aí viu-se claramente que o Benfica não aguentaria a vantagem de um golo.
Devia estar preso! Tal como El Mano e toda a seita de gatunos que nos relvados espalha incompetência e parcialidade.

Este ano, Vasco Santos actuou “em grande” no Benfica,3- V.Setúbal,0 em que foi lesto a marcar o penalty que Roberto defendeu após expulsão de Júlio César.
Depois, no Benfica,4-Naval,0 teve um prestação miserável. A seguir no Benfica,2-Marítimo,1 foi intragável e fechou o ciclo fora do estádio da Luz, em Olhão, onde mais à vontade fez impunemente, aquilo que bem quis e bem lhe apeteceu. Uma autêntica chafurdice, mostrando à quadrilha do Coio do Freixo que estará cá para o que der e vier em favor da morcanzoada azul e bronca.
Mas a referência principal deste manhoso do apito, foi o incrível golo anulado a Suazo há duas ou três épocas atrás, em que quando viu a bola dentro da baliza do V. de Setúbal, voltou com o filme atrás, mandando marcar um livre a favor do Benfica numa jogada que tinha mandado seguir e que consequentemente originou o golo mencionado.

Um fulano como muitos outros que faz o serviço limpo.
Quando é que irá para à sarjeta de Contumil, ou outra qualquer?
Tem a palavra quem de direito.

E se pensou que com esta filha-da-putice da expulsão de Jardel desmoralizou o rapaz para quinta-feira, em Braga, bem pode tirar o cavalinho da chuva pois aí a história será outra. A nomeação é feita pela UEFA e a probabilidade de acontecerem mascambilhas como a de hoje, é infíma ou mesmo nenhuma, a não ser que os amigos de Palermo consigam, pelas escadas de serviço, meter fruta frêsca e chocolatinhos nos quartos de hotel onde dormirão os cinco árbitros que dirigirão a contenda na Pedreira…

Obs.
Isto não invalida algumas referências negativas à actuação displicente de alguns jogadores do Benfica, nomeadamente Felipe Menezes e Sidnei. E quanto a Roberto, ou programa devidamente as saídas da sua baliza na pequena área quer nos cantos quer nos livres, ou então vai decerto hipotecar o seu futuro como guarda-redes de topo. Tem mais alguns jogos para inverter esta pecha que se está a tornar um problema sistemático e o Benfica, como ele bem sabe, não pode ter deste tipo de problemas, para mais a mais na baliza. É grande e tem a obrigação de fazer valer essa sua envergadura.

GRÃO VASCO

5 comentários:

Tiago disse...

a expulsão do Jardel é ridícula! qualquer um dos amarelos é um absurdo! antes de jogos europeus o Benfica tem ficado invariavelmente reduzido a 10 e obrigado a um esforço físico suplementar!

compare-se só o amarelo que o Vandinho recebeu com qualquer um dos amarelos dados ao Jardel. o Vandinho agride e lesiona o jogador do Leiria e fica em campo e o Jardel por duas faltas banais é expulso!!

ad.eternum SLB disse...

http://adeternumslb1904.blogspot.com/2011/05/benfica-tv.html

Saudações Benfiquistas

fabio disse...

nada de camuflar o penalty que ficou por marcar sobre o kardek. o defesa quase que lhe arrancou o calcanhar. doi imenso assistir a estes atentados semana após semana.

Anónimo disse...

Se calhar foi como pena de este ter marcado um golo ao braga na LE.

vmpaulinop disse...

Por onde anda "refugiado" e/ou desaparecido o LFVieira? Este não é, actualmente, o Presidente do SLB em que votei e com 44 anos de associado começo a ficar muito desiludido, triste, enganado e revoltado, com quem se tem mantido tão passivo e "mudo", perante as "atrocidades" que o nosso Clube tem sofrido oriundas das altas autoridades da Liga e arbitragem subservientes e rastejantes.
Quem defende os jogadores e denunucia todos este roubos??? Pelos vistos deixámos de contar com o Presidente, que tudo indica também "calou" o Jorge Jesus.
Quero estar enganado, mas apoiar um Sr. "apanhado" nas escutas do "Apito Dourado", portanto conivente com o tráfico e corrupção, só poderia ter estes resultados. Benfica Sempre.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...