24.9.12

A “vandalização”, segundo o ‘record das pêtas’




Quem está atento aos inimigos do Benfica, sabe bem qual o grau de perigosidade deste pasquim bastardo.

A edição on line e a de papel complementam-se na perfeição nos ataques sujos e rasteiros ao Benfica.

Quem observar a capa de hoje do nojento “record das petas”, chegará à conclusão de que o bando de canalhas responsável pela edição e capa respectivas, fez um esforço colossal para branquear a indecente roubalheira ao Benfica em Coimbra, salientando que os três penaltys foram mal assinalados, aventando curiosamente um pressuposto sobre Nolito, tentando com estes zigues-zagues confundir o incauto, metendo todos os ditos penaltys no mesmo saco.

Não!

Os dois penaltys contra o Benfica foram uma mentira!

O penalty cometido por Rodrigo Galo foi indiscutível!

A TV lá está para tirar dúvidas que haja e assim denunciar a manipulação ordinária e soez da cambada de bandalhos do “record das petas”.

É preciso dizê-lo alto e bom som, com a indignação de quem é roubado e prejudicado.
É preciso denunciar esta canalhice deste pasquim ao serviço da “fruta” e do lagartêdo!

Os factos foram tão evidentes que a corja do “record das pêtas” teve dificuldade em arranjar uma capa “à maneira”. Mas mesmo assim, lá conseguiu um esquema dúbio com um propósito claro – provocar dúvidas, suspeições e confusão.

E para esta gajada tudo serve para achincalhar o Benfica.

Tentando desviar as atenções e grosseiramente apagar o que aconteceu ontem dentro do campo, no estádio municipal de Coimbra, onde o Benfica foi vítima de mais um escandaloso roubo protagonizado por um especialista recorrente nestas “matérias” – Carlos Xistra – vem noticiar na edição on line, uma tentativa de vandalização da sede da Mancha Negra (claque da Académica).
Tentativa de vandalização?
Mas o que é isto? Mas afinal o que é que aconteceu? Que notícia é esta? Qual o objectivo?

Noutra notícia, diz que os jogadores do Benfica foram apupados pelos seus adeptos. Mas quantos os apuparam? Que dimensão teve esse protesto?

E noticia ainda uma troca de mimos entre o Maxi e um bandalho de nome Godinho que numa tentativa, essa sim, tentativa de provocar, impediu o jogador benfiquista de apanhar a bola com mais rapidez.

Olha se fosse o Luisão…

Quando é que os Benfiquistas se revoltam contra esta “merda”?
Quando?

Quando é que o “record das petas” rebenta?
Quando?

Quando é que esta bandidagem é posta na ordem?
Quando?

Afinal não é o Benfica a entidade mais vandalizada pelo “record das petas” que com estas “notícias” traiçoeiras, achincalha e maltrata o Clube e as suas Gentes todos os dias?

Porque esperamos Benfiquistas?

GRÃO VASCO

6 comentários:

MAFARRICO disse...

Como BENFIQUISTA que me prezo de ser, fiquei obviamente triste com a XISTRALHADA protagonizada por esse gatuno que de quando em vez nos aparece num qualquer estádio deste país para nos ROUBAR há má fila.
Mas mais triste fico quando vejo que há Benfiquistas que na ânsia de poder dar razão ás suas teses não se coibem de dar mostras à alegria, e não me venham dizer que não é verdade, porque basta ler alguns comentários!!!!
Depois vêm falar em sportinzação !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Atlas disse...

Quando é que o “record das petas” rebenta?
Quando?

Resposta:

Quando os Benfiquistas deixarem de o comprar. SIMPLES

Anónimo disse...

Off. Apoiemos todos a proposta da Catedral do Desporto.
Esta na hora de deixar de dar de comer a quem nos odeia. Não aos Jogos fora da catedral. Podemos ir apoiar mas do lado de fora como já foi proposto julgo que no ano passado.nao podemos deixar de fazer alguma coisa. A paciência esgotou-se. Sem violência mas com convicção. Nao podemos mais ignorar a ignominia que se abate sobre o nosso CLUBE o GLORIOSO.Vamos passar mensagem, vamos criar uma vaga de fundo que arrase este estado de coisas. Convoquemos já uma manifestação para a sede da fpf. Eu próprio o faria mas sou um sim,és mortal anónimo residente a mais de 300 km da nossa catedral.nao aguento mais.pf façamos alguma coisa.
Amart

Antonio Martins disse...

Off. Apoiemos todos a proposta da Catedral do Desporto.
Esta na hora de deixar de dar de comer a quem nos odeia. Não aos Jogos fora da catedral. Podemos ir apoiar mas do lado de fora como já foi proposto julgo que no ano passado.nao podemos deixar de fazer alguma coisa. A paciência esgotou-se. Sem violência mas com convicção. Nao podemos mais ignorar a ignominia que se abate sobre o nosso CLUBE o GLORIOSO.Vamos passar mensagem, vamos criar uma vaga de fundo que arrase este estado de coisas. Convoquemos já uma manifestação para a sede da fpf. Eu próprio o faria mas sou um sim,és mortal anónimo residente a mais de 300 km da nossa catedral.nao aguento mais.pf façamos alguma coisa.
Amart

GRÃO VASCO disse...

Caro e Glorioso Atlas,

NÂO CHEGA!

Saudações.
GRÃO VASCO

GRÃO VASCO disse...

Não comparecer aos jogos é a mesma coisa do que ir para a guerra do Afeganistão com uma pressão-de-ar!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...