12.10.12

De ‘soldado’ a ‘marechal’…



Ontem à noite, na RTP 1, no telejornal, os Benfiquistas e o público em geral foram brindados em meia-dúzia de minutos com um interessante exercício de comunicação.


José Eduardo Moniz teve seis ou sete minutos “à Benfica”. Perfilou-se na parada ao lado de Luís Filipe Vieira, com as suas armas (e que armas!), pronto para o combate interno e externo, deixando uma mensagem clara – o caminho do Benfica é o da estabilidade e da excelência e deverá ser feito por Benfiquistas competentes, generosos e unificadores.


Os arautos do associativismo do petardo, agitadores e fomentadores do caos e do divisionismo tiveram um sério aviso – no Benfica não há, nem haverá lugar para escumalha subversiva que intimida, que ameaça, que acende rastilhos de violência, permaneça ela disfarçada ou latente em claques legais ou ilegais, ou seja personificada em atiradores furtivos de mente recalcada.


A alusão e a justificação de JEM para a opção assumida ontem, publicamente, basearam-se em vários pressupostos, destacando-se em primeiro lugar o da sua posição crítica em relação aos factos passados na última assembleia-geral do Benfica.


A democracia de saldo apregoada pela rataria divisionista e moribunda - onde se inclui um agente subversivo do Freixo, agora acompanhado de seguranças draconianos – teve ontem um dos seus estertores finais, mas mesmo assim seria de saudar que a próxima segunda-feira trouxesse novidades em relação às alternativas para o Benfica. Por outro lado, as baratas agoirentas e delatoras de que é fértil a blogosfera Benfiquista, ao verem o seu campo de manobra reduzido, lá vieram logo arengar e espernear, transformando aquele espaço na habitual “burrosfera” de tiques alagartados e mesquinhos.


Ontem, todos os Benfiquistas tiveram mais um forte indicador de que há mais um “soldado” que não dará tréguas aos manipuladores e aventureiros.


Por enquanto, mais nada a acrescentar, pois não será novidade nenhuma para JEM, o facto de haver dois sentimentos intocáveis na maioria esmagadora dos Benfiquistas – o desejo de o Benfica “acabar” com a Olivedesportos e a luta incessante que todos travamos contra a corrupção, tendo como focus o condenado do Freixo e a sua quadrilha.


Estas são e serão sempre duas premissas para que um “soldado” possa, um dia, vir a ser um “marechal-de-campo” reconhecido pelos seus exércitos.


Por isso, aguardemos serenamente a evolução da situação sem precipitações.


GRÃO VASCO

29 comentários:

zizou disse...

Concordo plenamente com o post e as suas ideias!

Vamos aguardar por novos desenvolvimentos...

Saudações Gloriosas

Néry disse...

Faço minhas as suas palavras caro Grão Vasco. Ontem na minha opinião tivemos um momento de Benfica puro em plena televisão estatal. Ontem conseguimos ver alguém que poderá bem ser o futuro do nosso clube. Ontem tivemos acima de tudo um aviso a quem se quer apoiar no Benfica para tentar protagonismo. Ontem com a afirmação de José Eduardo Moniz, ao declarar que seria mais um soldado ao lado Luís Filipe Vieira, obtivemos uma alma nova que à muito tempo o Benfica precisava. Um Benfiquista com provas dadas na área da gestão, mas acima de tudo um Benfiquista de que vai para o clube de alma e coração para o ver crescer e recuperar o lugar que lhe pertence no panorama do desporto nacional.

Saudações Benfiquistas!

José Ramalhete disse...

Santa ilusão! Então Moniz não tem sido um amigo e favorecedor do Oliveira? Sabem como nasceu a Olivedesportos?

GRÃO VASCO disse...

Ramalhete,

Já que não te diriges a ninguém, dirijo-me eu a ti.

A Olivedesportos foi criada em 1984. Explica a "santa ilusão" para nós percebermos. E já agora também podes explicar os favorecimentos de JEM á Olivedesportos e ao seu dono.

Mas mesmo assim, dir-te-ei que JEM está ou estará lá para defender o Benfica. Disso não duvido.

É sempre a mesma merda!
Concerteza que se estivesse do outro lado da barricada já era o "maior da cantadeira".

Vá lá, Ramalhete, explica-te!

Nós aguardaremos aqui as tuas notícias!

José Ramalhete disse...

Vai ver como o Oliveira ganhou o primeiro concurso dos direitos televisivos e a quem os revendeu a seguir.

GRÃO VASCO disse...

Ó Ramalhete,

Eu não vou ver nada. Eu quero é que demonstres os favorecimentos de JEM à Olivedesportos e ao seu dono.

Tu é que insinuas aqui um conjunto de procedimentos de JEM.
Prova-o! Não especules, nem insinues.
Prova!

É a segunda vez que estou aqui a solicitar isso, pois não sou eu, nem quem te lê, que tem de ir ver o que quer que seja.

És tu que tens de provar e denunciar, já que o insinuas.

Anda, arranca, que estamos aqui todos à espera!

Sandra Benfiquista Portuense disse...

Depois de ouvir ontem o J.E.Moniz, dei comigo a pensar que é preciso uma grande humildade para admitir publicamente que se ofereceu como soldado a L.F.Vieira, para fazer tudo o que fosse preciso para ajudar o Benfica. Quer gostemos dele ou não é um acto digno e benfiquista de alguém que não precisava de se sujeitar a esta situação. Na minha opinião é uma atitude louvável!
A entrada de J.E.Moniz vai alterar, melhorar e impor mais respeito na relação da imprensa com o Benfica, potenciar a BenficaTV e sem dúvida absolutamente nenhuma, ficar com a responsabilidade directiva dos direitos desportivos.

POC disse...

Muito bem, mas acho que Moniz não foi honesto.
Ele já tinha acertado tudo com Vieira (já tinha sido fotografado) bem antes da Assembleia.

GRÃO VASCO disse...

Cara e Gloriosa Sandra,

Parabéns pela forma bem esclarecida e esclarecedora do teu ponto de vista.

Continua!

GV

GRÃO VASCO disse...

Agora, caro POC,

Como deves imaginar, estou bem atento aos teus comentários e escritos na blogosfera Benfiquista.

Mas não é isso que vem aqui para o caso.

Dizes tu que achas.
Também posso achar muita coisa.

Prova lá que o JEM já tinha tudo acertado como LFV.
Prova, porra!

Pelas fotos?
Francamente.

É que pelo teu ponto de vista, posso dizer-te que tu também nao és honesto, pois só achas!

Mas nós aqui não andamos aqui a brincar ao que tu achas e ao que ele acha.

Ponham lá a cabecinha no sítio devido e cresçam caramba!
Cresçam, porra!

Saudações.

GV

GRÃO VASCO disse...

Ramalhete, ó Joséééééé Ra-ma-lheeeeeeeee-te,

Ó homem, estou à espera, todos estamos à espera dos teus dados sobre os favorecimentos do JEM à Olivedesportos e ao seu dono.

Vamos lá, arranca!

GV

POC disse...

@GRÃO VASCO, não imaginava nada disso, não fazia ideia que sabias o que "acho".

Não entendo porque razão tenho eu de crescer. Talvez por ser anão, só se for.

Tenho direito a "achar" o que bem entender. Tenho direito à minha opinião. E não preciso provar nada acerca do que disse: é sabido que Vieira e Moniz já estavam a trabalhar numa coligação. E podiam. E podem.
Dizer agora que foi somente após a Assembleia é atirar areia para os olhos.

Se Moniz acha mesmo que Vieira é a solução e que o pode ajudar, muito bem. Gostava era de saber o que se passa no Benfica, porque ninguém sabe.

GRÃO VASCO disse...

POC,

Ter uma opiniao e direito a ela, não é apelidar alguém de desonesto, baseando-se em suposições.

Por outro lado eu nem sei o que achas ou deves achar, e foi exactamente o que eu te disse.

Por fim, não podes, nem deves especular. É pernicioso e contribui para a confusão.

"Gostava era de saber o que se passa no Benfica, porque ninguém sabe".

Ó POC, francamente!
O nanismo pode realmente ser um problema a rever. Mas creio que o teu problema não é seres anão. O teu problema e o de muitos é "crescimento". E quando falo em "crescer" não te estou a ofender, nem a apelidar-te de garoto, desonesto ou coisa que o valha. Estou a sensibilizar-te para que a tua forma de opinar seja outra, bem diferente daquela que tiveste ao apelidar de desonesto o JEM.

Estas questões não têm nada, mas mesmo nada a ver com opiniões.

Alguma vez me viste aqui a falar de Rangel ou até mesmo Bruno Carvalho e apelidá-los de algo?
Claro que não!

Percebeste agora?

Saudações.

POC disse...

Estamos esclarecidos.

Mas sim, falta-nos saber e perceber melhor determinadas opções dentro do Clube. Existem coisas que devem permanecer no "segredo dos Deuses", mas outras não.

Vieira não diz o que vai fazer, nem como. Porque tem a vitória sempre garantida. Acho mal.


Um abraço.

rui disse...

Nos se andarmos sempre a defender esta direção com unhas e dentes eles sentem se ainda mais acomodados do que aquilo que ja estao,Isto nao sao mares de rosas,nos nao nos podemos esquecer que andamos ai 4 anos atras do sporting apesar de gastar o dobro deles,de campanhas europeias miseraveis como aquela com o Quique Flores,Dos ultimos 2 campeonatos e a forma como os perdemos,quer dizer ninguem ve aqui razoes pra estar completamente descontente?Eu vejo..tambem nao vejo alternativas nenhumas,o que me deixa mais triste ainda.Mas uma vez que sejam estes ou outros que la estejam, é preciso ser exigente e chamalos atenção,nao podemos permitir que os benfiquistas passem por cenas como as que temos passado

GRÃO VASCO disse...

Rui,

Andas de mal com o mundo?

GV

rui disse...

Nao porque felizmente tenho outras coisas na vida pra me dar alegrias,o Benfica ja nao da,continuo a gostar dele e a desejarlhe o melhor,mas estes ultimos 2 anos foram muito dolorosos ainda nao recuperei bem deles percebes? Isto a mim nao se sacode com uns whiskies e umas risotas num camarote,nao,isto a mim marcou me profundamente

GRÃO VASCO disse...

Rui,

Não compartilho da tua autoflagelação.

A pior época, ou os piores tempos do Benfica felizmente que nunca foram vividos por ti.

Se vives amargurado com uma época, duas ou três em que temos sido alvo de uma pilhagem sem limites, mas mesmo assim fizémos uma carreira europeia com muitas alegrias e bons jogos, noutros tempos em que a coisa esteve realmente muito feia,
tentarias o "suicídio".
Acredito que nem que o Benfica fosse campeão europeu ou mundial mudarias esse sentimento de negação constante, de que tudo está mal, de que os dirigentes não servem, de que o presidente idem, idem, aspas, aspas, etc., etc., etc.

Portanto, o melhor que tens a fazer é curar-te de vez do Benfica e do futebol, e dedicares-te, por exemplo à pesca. Uma actividade tranquila, anti-stressante pouco dada a críticas e revoltas.

Saudações.

Indignado disse...

Os corruptos dominam o futebol português de cima a baixo .
A seleção , a liga , a federação ,a disciplina e justiça , só não vê quem não quer .
A nivel externo têm gente colocada na uefa ,justiça da uefa e arbitragem .
Mas o mais grave é que continuam a colocar portistas em tudo que é lugar de poder e influência .
Tenho grande desconfiança na colocação do Cunha Rodrigues no Fayr-Play financeiro , ele que foi juíz e procurador de outras áreas , como direitos humanos . Espero estar enganado mas que me faz pensar , faz , pois é mais que sabido que eles têm muitos juízes na mão ,
Ah e ele é do norte , de Penafiel .
Denunciar

GRÃO VASCO disse...

Glorioso Indignado,

Também a mim me faz pensar mais essa nomeação.

Acredita que fiz uma pesquisa para saber qual é a cor do dito cujo.
De Penafiel também eu já sabia que era. Agora um fulano com 72 anos, ir ocupar o tal lugar na UEFA a convite do Platini...
Quem o indicou e porquê?
Cheira-me a esturro e do grosso!

Saudações Gloriosas!

joaquim santos disse...

Grande Grão Vasco

como podes ter a certeza que o Moniz vai acabar com o olibeiredo se eles são unha e carne?

abraço

rui disse...

Eu so tenho 28 anos tambem ja ca andava nesses outros tempos que falas.Eu se fosse fraco ja tinha desistido disto á muito tempo mas nao sou.So nao dou tapadinhas nas costas quando nao se merece,eu nao acho que tudo esteja mal,muito das coisas que eu critico ja tu aqui criticaste inumeras vezes,mas depois pareces que esqueces tudo e voltas á estaca zero,tens um poço de esperança maior que o meu,penso que é so isso

GRÃO VASCO disse...

Caro e Glorioso Joaquim Santos,

O que eu escrevi foi o seguinte, e vou transcrever do post para este comentário:
- "Por enquanto, mais nada a acrescentar, pois não será novidade nenhuma para JEM, o facto de haver dois sentimentos intocáveis na maioria esmagadora dos Benfiquistas – o desejo de o Benfica “acabar” com a Olivedesportos e a luta incessante que todos travamos contra a corrupção, tendo como focus o condenado do Freixo e a sua quadrilha.


Estas são e serão sempre duas premissas para que um “soldado” possa, um dia, vir a ser um “marechal-de-campo” reconhecido pelos seus exércitos."

Agora e em primeiro lugar, pergunto-te:
- Como sabes que eles são a unha e a carne?

Uma coisa é certa, o JEM tem a noção claríssima que a Olivedesportos garroteou durante anos o Benfica e sabe também que o sentimento geral dos Benfiquistas em relação a isto é de que "o corte" tem de ser feito, custe o que custar.

E outra coisa não tenhas dúvidas. JEM e LFV serão confrontados com esta questão no período de propaganda e esclarecimento eleitoral que precede o acto em si.

No post fui bem claro quanto a isto e mais, eu não tenho certeza, nem afirmei que tinha. O que eu disse e está bem explícito acima é que um soldado que se apresentou na parada ao lado de LFV, só subirá a marechal se satisfizer esse desejo inabalável da maioria dos sócios e adeptos do Benfica.

Saudações Gloriosas.

GRÃO VASCO disse...

Ó Rui,

Tem lá um pouco mais de paciência e serenidade e não ponhas na minha boca e nos meus escritos, palavras, ideias e formas de sentir que são só tuas.

Não deixo de ter espiríto crítico, isso não. Mas lê e relê aquilo que escrevo que não encontras nada de semelhante ao que aqui expressas em desabafos, por vezes descabidos e humilhantes para o Benfica.

Isso não o faço. E mais uma pequena (grande) coisa. Felizmente, memória é aquilo que não me falta. Tenho uma bobine de quase 6 décadas com a história do Glorioso.

Proporcional à tua fogosidade e por vezes agressividade está uma vivência imensa de muitos e muitos anos de Benfica.

São muitos anos, sabes?

Saudações.

Manuel disse...

Essa história do Cunha Rodrigues também me cheira a esturro. Mas a minha teoria vai mais fundo e penso que estou certo.

O lugar que ele agora preencheu não passa de um prémio, igual ao prémio do Proença, pelos bons serviços prestados enquanto foi Procurador Geral da República e deixou que os corruptos do norte não fossem incomodados nem investigados durante o tempo do seu "reinado". Tudo em prol da "CAUSA" comum, da Independência do Norte = Regionalização. Não sei se me faço entender.

Por aqui também se vê até que ponto chega o braço armado do polvo português no futebol.

rui disse...

Pronto ok nem vou argumentar mais porque nao adianta mas mando umas saudações vermelhas e brancas

Anónimo disse...

Ramalheeeeeete!!!! Onde anda você??? Também eu quero saber do que fala...
Ááááhhhh!!! Desculpe, já percebi tudo, "é do ouvi dizer", ou melhor, é do " inventei, vou ver se pega".
Nós os benfiquinhas, que não pertencemos à petardocracia não vos ligamos patavina, pois sabemos do que vocês são feitos e o que querem.
Fico à espera de resposta, se calhar sentado, porque senão ainda me transformo numa árvore,
ficando à espera em pé.

Tomás Pizarro

José Ramalhete disse...

Durante o fim de semana não tive acesso à Internet. Transcrevo opinião abalizada:

Marinho Neves: "Confesso que não entendi"
"Confesso que não entendi: O que fazia José Eduardo Moniz, assumido benfiquista, no apoio à candidatura de Luís Filipe Vieira à presidência do Benfica, como não entendi a presença de João Rodrigues, um benfiquista não tão assumido. O primeiro é unha com carne com Joaquim Oliveira e isso poderá querer dizer que o problema das transmissões directas dos jogos a partir de 2013 já está resolvido. O segundo é quase um escândalo, pois como todos sabemos foi ele quem comandou o lobby na UEFA e FIFA que anulou o castigo ao FC Porto após o caso de corrupção "Apito Dourado".

Ah!! esqueci-me de dizer que foi José Eduardo Moniz que escancarou as portas da RTP a Joaquim OLiveira para os seus grandes negócios com as transmissões directas. Que Joaquim Oliveira é um parceiro dos parceiros da Ongoing, pois... onde trabalha o Moniz.

GRÃO VASCO disse...

Caro José Ramalhete,

Já tinha lido.



Não me surpreendem estas notícias. Estranho, foi nas últimas eleições em que Moniz não estava com o LFVieira, o Marinho Neves, bem como alguns mentecaptos que chafurdam na Gloriosasfera não terem lançado esta notícia. Agora, não fazem outra coisa senão lançar a confusão nos Benfiquistas.



Isto para lhe referir que o Marinho Neves (um jornalista sportinguista que no tempo de Dias da Cunha "trabalhou" para o lagartêdo) é dúbio e pouco consistente naquilo que escreve e senão relê com atenção o que lá está escrito. Mas dando isso de barato, dir-te-ei que o dossier da Olivedesportos é complexo, mas Moniz e Vieira sabem qual o desejo da massa adepta e sócia do Benfica. Actuarem contra eses desígnios seria um tiro nos pés.

E para nosso descanso, os 12 dias que faltam para as eleições irão ser muito esclarecedores nestes temas, pois os jornalstas irão confrontar ambos com essa questão. Mas anteontem, JEM já levantou um pouco a ponta do véu...



Até pensava que o caro Ramalhete me tivesse alertado para o teor do discurso do Moniz na Bairrada...



Sabes, José Ramalhete, JEM foi bem claro e mal dos Benfiquistas que comecem a duvidar de tudo e de todos.



Quanto a João Rodrigues é do Benfica. Mas antes de ser benfiquista, foi sempre um bon vivant. Merece-me pouca credibilidade. É o adepto dos lautos jantares e sempre se deu bem com deus e com o diabo.

Saudações Gloriosas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...