9.2.13

Igual ao dono!


É! Toc’andar, isso, toc’andar! – dizia, numa das escutas telefónicas da investigação “Apito Dourado”, o engenheiro da Choupana para o Araújo, empresário das “deusas da fruta”.

 

Palavras e conversas de um futebol promíscuo de há poucos anos atrás.

 

Já que os subordinados não se podem meter nestas “coisas”, lá vem o Machado tocar rabecão.

Falar de árbitros?

Mas, quantas vezes é que este badameco falou de árbitros antes dos jogos das equipas que orienta, com o grémio da fruta corrupção & putêdo, vulgo fcp?

Quantas?

Nojo!


 


GRÃO VASCO
 


Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...