18.3.14

Mota gripou cobardemente!



Seriamente incomodado com as ameaças à sua integridade física e à dos seus familiares, avançou para a Choupana, assumindo a nomeação para o jogo entre o Nacional e o Benfica, ao contrário do espertalhufo do Ovigário, que para salvar a pele arranjou uns bicos-de-papagaio à última da hora, sendo substituído pelo Proença das proençadas no clássico do Fôsso. 

Mas lamentavelmente não foi corajoso. Borrou-se!

A imagem que deixou foi a de uma mota com uma cabeça-de-porco no assento, peidando-se pela estrada fora.
Para se livrar de sezões, precavendo-se, e como aperitivo para o resto do jogo, apitou escandalosamente para penalizar o Benfica com um castigo máximo que só ele viu.

Depois bem, depois, ACOBARDOU-SE não cumprindo com a lei do jogo, evitando a expulsão do agressor de Rodrigo, já fora do relvado. Condescendeu vergonhosamente com a bordoada de três em pipa com que os jogadores do Nacional resolveram brindar os benfiquistas, especialmente durante a primeira parte.

Por último, inventou livres perigosos na parte final do desafio, pois subconscientemente prejudicou quem deveria prejudicar em função das ameaças recebidas – os mouros bermelhos!

Triste figura.
Mas tem uma solução e que o poderia resgatar – abandonar o apito e denunciar a podridão que grassa na arbitragem… a começar pela eminência pardacenta da Palermo portuguesa, o sinistro Lourenço!

“Ó filha, mas ele ainda ficou a falar…”

É que desta cantilena bexiguenta e de muitas outras, como “mouros”, “balas”, “BASTA”, nunca me esquecerei.
Foi assim que durante trinta anos a fruta, corrupção & o putêdo, a norte, reinaram impunemente, um método criminoso que tem sido nestes últimos tempos, textualmente copiado pelo lagartêdo a sul.

Que o diga o Chico Silva apitadeiro algarvio do tempo do consulado da eminência parda como chefe dos árbitros e mais recentemente o Cardinal, o Duarte Gomes e outros apitadeiros...

E após estes dias em que o lagartêdo mostrou que o Benfica é o seu alvo principal - a torpe conferência de imprensa, dada ontem ao fim da tarde pelo xerife do lagartêdo, veio contribuir gravemente para que Mota ainda ficasse mais condicionado em prejuízo evidente do Benfica - lá vêm outra vez os idiotas geracionais, friends & restante escumalha blogueira benfiqueira, apelar às alianças e às aproximações ao grémio do fôsso, enviando ao mesmo tempo mais umas farpas ao mestre da táctica e ao presidente do Glorioso.

Tudo farêlo da mesma saca!



GRÃO VASCO


Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...