17.5.17

A “azia” de um morcão na TV



E foi assim na TV!
Num momento absolutamente deprimente, em que mais um morcão azul e bronco disse mal da vida.

O tempo das vacas gordas, daquelas que os árbitros escolhiam no Calor da Noite, na Taverna do Infante e na Pérola Negra, já acabou há muito tempo. O Apito Dourado pifou e o velho peidorreiro tem as canalizações todas rotas.

Nada melhor do que competir no Festival do Morcão. Aí sim! Aí poderão ganhar qualquer coisinha. Desta vez tocou o 1º prémio a um primata descendente de um pró-símio do Cenozóico. E melhor do que ninguém, bolçou azia a rodos com recurso aos seus sons guturais que precederam o canto verdadeiro da era actual. Azia essa que foi o mote principal para a letra que exprime o sentimento de quem tem levado forte e feio no bestunto.

Não têm emenda, esta corja de morcões azuis e broncos!


Aqui fica registado o poema da canção vencedora.



“SÓ AZIA”

DESGRAÇ’APÓS DESGRAÇA,
VOU DIZER-VOS O QU’EU ACHO,
JÁ’STOU HÁ MUITO TEMPO,
SEM METER A MÃO NO TACHO!

CHORO E BERRO SEM RAZÃO,
E ADORMEÇO NO TRABALHO,
‘TOU’ DE JEJUM HÁ QUATRO ANOS
E C’UM’AZIA DO C*R*LH*!

PODEM CHAMAR-ME GORILA,
OU QUE TENHO AR DE BODE,
MAS SÓ UMA COISA ME OFENDE,
É QUANDO O BENFICA ME F*D*!



GRÃO VASCO



2 comentários:

Abelourinha disse...

Também assisti ao momento único, nem disfarçar sabem, broncos, mal educados,sem respeito pelos adversários, fazem como as putas,chamam aos outros aquilo que são. Pessoas reles sem postura decente,pois que '' lo chupen
''que para o ano podemos ser Penta. Carrega Benfica.

Anónimo disse...

No autocarro do SLB: RUMO AO TETRA. No autocarro dos corruptos: RUMO AO TENTA.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...