10.8.18

O salvo-conduto de sérgio conceição



Não conseguem ganhar limpo, seja qual fôr a competição. Mesmo a empatarem com uma equipa claramente inferior, sacaram dos revólveres e de faca na liga, zás, “põe-te a pau ó Godinho e alerta o teu fiscal-de-linha que aqui como em toda a parte o far-west é connosco e é para continuar. É quase à “lei da bala” e ai de quem arrebite cachimbo”.
Esta época começou com mais esta escandaleira.
O comportamento asqueroso de todo o banco da morcanzoada corrupta no jogo com o Desportivo das Aves, mostrou sem qualquer sombra de dúvida o que aí vem daquelas bandas onde a macacada ribeirinha ameaça árbitros e seus familiares, o presidente desmemoriado descarrega bufas enlameadas de ironia e canalhice que os seus prosélitos mentecaptos inalam e aplaudem como se se tratassem de suaves e doces eflúvios largados do rabiosque de uma pura donzela, a tesouraria intervencionada pela UEFA paga a um clube com o qual o grémio corrupto estava a perder antes do jogo ter sido reatado trinta e sete dias depois, cerca de setecentos e cinquenta mil euros, onde o pigmeu careca ameaçador arreganha a dentuça e o treinador continua na sua saga desvairada de mentiras, impropérios e atitudes intimidatórias a apitadeiros e seus auxiliares e a seus colegas de profissão como foi o caso das diversas provocações rasteiras e ordinárias a Rui Vitória.

Uma estreia auspiciosa desta cambada que sabe que continua impune. Uma vergonha branqueada por quem deveria aplicar seriamente a justiça. Uma vergonha para um árbitro borrado de medo perante aquela matilha de raivosos à solta, cuspindo ódio!

O “castigo”, se é que se pode chamar a uma multa de quinhentos e poucos euros a um treinador muito bem pago, um castigo, é bem revelador do que irá acontecer novamente esta época.
Depois das “madames” da Liga de futebol escrevinharem nos jornalecos das suas simpatias que quanto à disciplina, não iria haver tolerância praticamente nenhuma, eis que perante um despautério e um destrambelho totais por parte de todo o bando azul e bronco no jogo da supertaça, a justiça fecha os olhos e aplica uma multazinha para enganar os incautos. É uma bandalheira mas “no passa nada”!
É o salvo-conduto que conceição e sua entourage precisava para continuar a actuar sem qualquer tipo de escrúpulos!

Mas já sabemos que basta qualquer elemento do Benfica, ou o próprio Benfica deitar o pescoço de fora, isto é pisar o risco, nem que seja uma insignificância qualquer e aí virá bordoada da grossa!

Todos nós, Benfiquistas, temos a obrigação de denunciar e fazer frente a este novo assalto “à mão armada” que já está em marcha desde a época passada e que nos poderá custar muitos amargos de boca.

Para finalizar, um reparo a um bando de bastardos que se diz Benfiquista vagueando nas redes sociais e que se tem entretido a malhar nos responsáveis do Benfica – dirigentes, técnicos, atletas e respectivos staffs:
- afoguem-se nas vossas frustrações, e quando forem ao fundo não voltem mais nenhuma vez ao de cima!|

GRÃO VASCO



Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...