20.7.20

Chegou a “hora sexual” de Marcus Minimus


(Nota: se esta caricatura interferir com os direitos do seu autor será imediatamente retirada deste espaço)

Nunca imaginaria que se pudesse ir tão longe. Mas é uma verdade factual e indesmentível – CHEGOU A “HORA SEXUAL” DE MARCUS MINIMUS.

Marcus Minimus, mais conhecido por Marques Mendes, também quer “FODER” o Benfica e o seu Presidente. Uma fodança à fartazana, dando vinte e duas seguidinhas sem tirar fora! Arre macho!
Mas ´spera lá!... Para que o acto se consuma terão de lhe atar um peso de cem quilos à sua bolsa testicular…

Diz ele, do alto?!? da sua cátedra televisiva, àquela boazona que o entrevista todas as semanas na SIC - “ (Jesus) é uma boa solução para o Benfica, isso eu acho que é. Agora, é uma situação de desespero, em estado de necessidade. Porquê? Por que é que o Benfica fez este finca-pé todo a Jorge Jesus quase que se pondo de joelhos? Primeiro, para desviar as atenções da época humilhante que o Benfica teve. Foi do pior possível. Segundo, para disfarçar os problemas judiciais que o Benfica tem, que não são poucos e que minam, de que maneira, a imagem de prestígio e de credibilidade do clube. Depois, porque Luís Filipe Vieira tem eleições daqui a uns meses e tem medo de as perder. Precisa de um trunfo eleitoral. É por isso que o Benfica praticamente se deu a tudo aquando dos pedidos de Jorge Jesus”. (in record)

[na última frase, do texto supra aqui transcrito, o "brilhante jornalista" que o escreveu, cometeu um erro crasso - não se escreve "se deu" mas sim, "cedeu"!]
UMA VERGONHA DE PROFISSIONAIS!

Mesmo com o Benfica de joelhos, MM não o conseguiu vislumbrar na sua plenitude. E porquê?
Pois o resto da estória vem a seguir…

Ontem pousou um “passarinho” no beiral do telhado de minha casa que me segredou ao ouvido que “o Trêtas da Silva telefonou ao Marcus Minimus, esfusiante, a agradecer-lhe mais uma encomenda”; e prosseguindo no seu melancólico chilreio finalizou as suas confidências com a última frase de TdS a MM – “não sei se precisas de um avental, mas como reconhecimento dos teus mediáticos favores vou enviar-te o melhor escadote que está à venda no mercado português”.

Na realidade MM tem uma visão do Benfica à sua medida. Ou melhor, à sua altura. Na sua linha do horizonte viu Jesus a aparecer no firmamento e Vieira a voar nele até ao Brasil, duvidando da sua credibilidade e da do SLB. Só não viu, nem falou no empréstimo obrigacionista, cuja procura ultrapassou em larga escala a oferta. Aí a credibilidade do SLBenfica ficou no último degrau do seu escadote!

Deita o escadote fora ó MM!

P.S.
Caros Companheiros,
Prometi a mim mesmo que nos tempos mais próximos daria férias ao blogue. Mas perante tanto dislate, tanta afronta, tanta infâmia, tantos ataques ao Benfica, fui obrigado a escrever e a publicar este post..
Saudações Benfiquistas.
TUDO PELO BENFICA!

GRÃO VASCO




22.6.20

Parabéns, Presidente!


Parabéns, Caro Presidente!

GRÃO VASCO



10.6.20

APELO AOS BENFIQUISTAS




APELO
AOS
BENFIQUISTAS


FACE AOS CONTÍNUOS ATAQUES E SÓRDIDOS PROCEDIMENTOS E ACONTECIMENTOS QUE CONTINUAM A VISAR SISTEMATICAMENTE O SPORT LISBOA E BENFICA OS SEUS FUNCIONÁRIOS E ADEPTOS, E SE NÓSTODOS OS BENFIQUISTAS – CONTINUARMOS NESTA LASSIDÃO E INÉRCIA, NÃO AGINDO NO IMEDIATO E DE UMA FORMA IMPLACÁVEL CONTRA A ESCUMALHA DE PALERMO DO DOURO, SERÁ ESTA ESCÓRIA DEMENCIAL E MAFIOSA QUE ACABARÁ POR DELAPIDAR O NOSSO BOM NOME, DESTRUIR-NOS E DESTRUIR A NOSSA RIQUEZA E A NOSSA GRANDEZA!

SEJA NO CONTINENTE E ILHAS, SEJA NA DIÁSPORA ESPALHADA PELA EUROPA E PELO MUNDO, SEJA NA JUSTIÇA, NA COMUNICAÇÃO SOCIAL – RÁDIOS, TV’S E JORNAIS – E NAS REDES SOCIAIS, SEJA NOS ESTÁDIOS E NOS PAVILHÕES DESPORTIVOS, SEJA NAS PRISÕES E NAS CASAS DE CULTO, SEJA À MESA DOS RESTAURANTES E CAFÉS, SEJA NOS NOSSOS LOCAIS DE TRABALHO OU DE LAZER, SEJA NAS RUAS, PARQUES E AVENIDAS, SEJA NAS DIVERSAS INSTITUIÇÕES, SEJA NO GOVERNO, NA POLÍTICA, NAS AUTORIDADES POLICIAIS, SEJA NOS NOSSOS BAIRROS E PRÉDIOS, SEJA NAS SERRAS, NOS CAMPOS E NAS PRAIAS, NAS ALDEIAS, NAS VILAS E NAS CIDADES, É ACTUALMENTE UM IMPERATIVO E UM OBRIGATÓRIO DESÍGNIO DOS BENFIQUISTAS E DO SLB, TRATAR IMPLACAVELMENTE, DENUNCIAR E ESCORRAÇAR ESTA PÚSTULA JAVARDA, DIVISIONISTA E CRIMINOSA DE PALERMO DO DOURO QUE CORRÓI, DESAGREGA E SUBVERTE, A COESÃO E A PAZ, A CIVILIDADE E OS VALORES DA NOSSA SOCIEDADE E DO NOSSO PAÍS.

GRÃO VASCO


8.6.20

O adereço da eleição



GRÃO VASCO



5.6.20

IMPERATIVO – dar ‘caça’ aos criminosos











Indignação. É a palavra que exprime o meu sentimento em relação ao apedrejamento do autocarro do Benfica que transportava os seus jogadores para o Seixal após o jogo de ontem na Luz.

Indignação. É o que sinto ao ver as ameaças escritas nos portões da casa de Pizzi, Rafa, Grimaldo e Bruno Lage.

A POLÍCIA tem que apanhar os autores destes crimes, custe o que custar. Nem quero saber quem são os autores deste ataque e destes vandalismos. Sejam adeptos de que agremiação forem, sem excepções, têm que ser apanhados e levados à justiça para serem punidos exemplarmente e de uma vez por todas para que a sua condenação sirva de aviso a quem tem procedido ou proceda da mesma forma, tenha isso acontecido ou aconteça em qualquer lugar, em qualquer latitude.

É absolutamente inadmissível pactuar ou ficar em silêncio perante tamanhos desmandos!

PENAS PESADAS PARA ESTES ASSASSINOS E VÂNDALOS!

É CAÇÁ-LOS E PUNI-LOS. SEM DÓ NEM PIEDADE!

GRÃO VASCO




4.6.20

Até assim o #portoaocolo perde!



Nem árbitro, nem árbitro auxiliar, nem VAR!
Nenhum deles viu esta escandaleira que até o periódico desportivo espanhol AS, na sua edição on line, denunciou como sendo uma cena de teatro de Pepe e uma desonestidade.

As imagens televisivas de qualquer ângulo não deixam margem para dúvidas – um derrube malandro de Pepe a Diogo Gonçalves impedindo-o de chegar à bola depois de um mau atraso seu para o guarda-redes Marchesín.

TUDO A ASSOBIAR PARA O AR!

Até aqueles miseráveis cobardes, locutores/relatadores da SPORT TV se encolheram novamente perante tais evidências. Vítor Pinto no correio da merda, a mesma palhaçada – nunca pronunciou a palavra penalty! O cangalho do amaral ficou com uma cornadura do tamanho das canalhices anti-Benfica do fernado mendes.
A isso, em termos jornalísticos chama-se filha-da-putice, canalhice.
Um bando de engajados ao serviço da fruta e dos chocolatinhos, eivados de ódio ao SLBenfica!
Um despautério, uma vergonha!

Mas pior do que isso é o desplante com que o árbitro Nuno Almeida (o tal que um dia o símio da Ribeira de Palermo do Douro apelidou de Ferrari vermelho) e o VAR Luís Ferreira, seriamente comprometido com o Apito Dourado de antanho, mais o fiscal-de-linha que estava no enfiamento da jogada, terem passado por este atropelo às leis do jogo como cães por vinha vindimada!
Indecente!

Mas, felizmente para todos, incluindo a Europa do futebol, houve um periódico desportivo espanhol - AS - que em nome da VERDADE publicou a tempo e horas esse ROUBO DE IGREJA que foi feito à caixa das esmolas do Famalicão!


Para complementar esta farsa “a la Palermo” segue a transcrição em castelhano publicada no AS on line, seguida da tradução em português,

[Lo que van a ver de Pepe es el extremo máximo del teatro y la pillería: un penalti que linda con el escândalo.

El central del Oporto protagonizó una cesión comprometida y reaccionó trabando disimuladamente a Diogo Gonçalves. Ni el árbitro ni el VAR decretaron la pena máxima.]

{O que vão ver de Pepe é o cúmulo do teatro e da desonestidade (pillería= grupo de patifes, desonestidade, malandrice): um penalty que roça o escândalo.

O central do porto protagonizou um passe comprometedor e reagiu, travando dissimuladamente Diogo Gonçalves. Nem o árbitro, nem o VAR decretaram a pena máxima (penalty).}

Link para o periódico espanhol AS

O Sport Lisboa e Benfica para ganhar este campeonato terá muito que sofrer. Mas jogadores, treinador, dirigentes, presidente e todos aqueles que trabalham com o objectivo do Glorioso ser campeão, podem CONTAR SEMPRE COM O MEU APOIO e COM O DE TODOS OS AUTÊNTICOS!
Juntos até ao momento final do campeonato!

GRÃO VASCO


2.6.20

O símio que quer ser cidadão…


Um macaco-cidadão é coisa nunca vista.
A carta enviada pelo símio à Directora-Geral de Saúde deverá fazer parte do anedotário nacional.
Só neste país acontecem destas coisas e geralmente para as bandas de Palermo do Douro.
Por último, macacos à solta só nas selvas da África, Ásia e América do Sul, mas pelos vistos eles também vagueiam por aqui.
Enfim, mais um “macacada” de quem se sente impune e mediatizado pela miserável CS desportiva (e alguma generalista) indígena, num país onde esta e outras bandalheiras são lugares comuns.

NOTA:
Se porventura o grémio desta escumalha – fruta corrupção & putêdo, vulgo fcp – perde a liderança deste campeonato, ainda iremos ver os “operacionais” da claque a lançarem centenas de coronavírus de pára-quedas sobre os relvados de futebol!

A NÃO PERDER:
http://pulpuscorruptus.blogspot.com/2011/10/historias-de-encantar-mafia-da-palermo.html

GRÃO VASCO


11.5.20

À varanda com Trêtas da Silva



Sem dúvida alguma que Trêtas da Silva – também conhecido nos mentideros do grémio do putêdo, a norte, e da escumalha do lagartêdo, a sul, por “Gosma da Selva” – considerado hoje pelas alimárias geracionais de uma deplorável blogosfera benfiqueira como um antípoda de “Luís”, continua a ser a referência mais ridícula do Universo Benfiquista.

Nem a pandemia o confinou. Nem a quarentena o travou na sua busca incessante por “Luís”. Num evidente transtorno psicológico em que o despeito e o ódio se misturam, numa explosiva e ressaibiada patologia, nem mesmo assim deixa de espernear, arriando patadas e mandando ferroadas costumeiras em tudo o que mexe e é dirigismo do Glorioso de Portugal.

Trêtas, de binóculos e com os cotovelos (ai que dôr!) fincados no parapeito da sua varanda, ladeado pelos seus infectíveis mastins, vultus e biriatolas – estes de monóculo e farejando o ar de focinho empinado – observa e interroga-se;
- Atenção bichanos, que o gajo agora só anda de fato de treino prêto e sapatilhas de marca. Se detectarem algo de suspeito, ladrem, carago, ladrem! Será que “Luís” já fez o teste da moda? Ou será que estará escondido no Caixa Futebol Campus atrás de uns arbustos à espera que o vírus desapareça da circulação? Ou será mesmo que se deslocou à China para protestar com Xi Jin Ping? Ou ainda, terá viajado até Washington para se reunir com o presidente dos EUA e combinar a estratégia para vencer a liga e a taça de Portugal?
Nahhh…
Das duas, uma. Palpita-me que está a conferenciar com o Bolsonaro para espantar o “Chiklas” do Flamengo para o Benfica, novamente, ou está a cagar nalguma sanita da CMTV para as bestas do amaral e do encarnação!

Essa é que é essa!
Para ele, “Luís” é um tormento!
“Luís” não lhe dá importância nenhuma. Não lhe liga. Luís despreza-o e Silva continua a relinchar às 2ªs feiras. A “bola”, do ingrato serpa dos croquetes, o “record das pêtas” do lagartunço bernardo tasqueiro, o correio da merda, a sul, e mais alguns pasquins, a norte, não enjeitam a oportunidade que Trêtas lhes proporciona nestes tempos de carência de notícias - um prelúdio de uma tempestade jornalística que poderá enviar toda esta corja comunicacional para um poço sem fundo - ajudam ao festim, publicando as trêtas do Trêtas, transcrevendo os seus textos integrais do blogue mais anti-Benfica que se diz benfiquista, contribuindo assim para a maledicência, depreciando e apoucando tudo o que foi, é e será o Benfica e do Benfica no passado, no presente e no futuro. Uma indecência, uma vergonha e um fartar vilanagem! Indecoroso!
O futuro, para eles e para a corja geracional blogueira, é o rebentamento de toda a porcaria comunicacional indígena, de todo este lixo jornalístico-desportivo. Nem será necessário um Sylvester Stallone como no filme “O Especialista”. Bastará toda esta trampa implodir e é obrigação de todo o Benfiquista Autêntico empurrar com a sola do sapato qualquer alicerce que fique de pé. Já não basta “não ler”, “não comprar” e “não clicar”!

Mas voltemos a Trêtas da Silva.
Tal como o plantel principal do futebol do Sport Lisboa e Benfica, também já começou a treinar… mas à varanda!
Sinceramente, não sei bem para quê.
Depois de, completamente desvairado, às alfinetadas e às marradas ao “Luís”, resolveu apelar hipócrita e bondosamente ao Mundo Benfiquista que faça como ele e tome uma atitude popularucha em cada jogo do Glorioso de Portugal que aí vier, cada um na sua varanda!
Isto da varanda lembrou-me logo o Fedorico a gritar do varandim do fôsso do lagartêdo“só eu sei porque (não) fico em casa!”.
Já estou a ver Trêtas aos pulos, de bandeira e cachecol, equipado com o jersey glorioso da sua infância a dar-lhe pelo umbigo, pendurado nos seus calções à inglesa pelo meio da perna, com chuteiras de travessas e de biqueira larga em subtis toques de calcanhar e a chutar na atmosfera, gritando golo de Eusébio, ou às marradas ao candeeiro exterior do varandim num golpe de cabeça tal, com o esférico a voar pela porta adentro do apartamento e a dar cabo dos cristais e dos tarecos da patrôa no aparador/cristaleira da sala de jantar!
No pátio adjacente, fascinados com as suas façanhas, a matilha geracional dos shadows, artures33, reis “amo-te Benfica”, marks trenchers, jotas pês, biriatolas, phylippes, moléculas, críticos, águias preocupadas, das fonsecas e quejandos (muitos destes são nicks do mesmo canídeo) exultam caninamente e gritam:
- Agora é que é, Trêtas! Agora é que vamos encontrar o “Luís”!

Ah, “ganda” Trêtas!
Assim é que é! Agora, já que a chicana e a rasteira não têm colhido nos seus escritos, toca a berrar, toca a desfraldar a Bandeira Gloriosa, toca a gritar alto e bom som da varanda:
- Eu, ao contrário do que tenho feito (escrito) até à data no novogeraçãobenfica e sendo benfiquista desde pequenino, irrita-me que o “Luís” seja do Benfica. Acreditem, invejo a sua obra. Mas só a sua obra, porque quanto a títulos nacionais, ele não faz mais do que a sua obrigação. Já são tantos que nem me interessam os que foram ganhos nestes últimos anos. A verdade é que também não foram tão poucos assim. Penso que até foram de mais. MAS COMIGO À VARANDA, O BENFICA NUNCA FALHA E VOU GANHAR OS CAMPEONATOS TODOS E A CHAMPIGNONS LEAGUE!

… Consta-se que este vírus pandémico oriundo da China, nalguns casos específicos dá cabo da mioleira e do discernimento a alguns pacientes, especialmente os desprezados e ostracizados pelo “Luís”.
Se calhar até é verdade…

O programa folclórico segue dentro de momentos. Agora vou varrer, desinfectar e proteger a minha varanda. Não venha lá um Trêtas qualquer conspurcá-la mais uma vez.

GRÃO VASCO



8.5.20

A validação do roubo nas ‘newsletter’ da “camorra azul e bronca” de Palermo do Douro




A necessidade da corja mafiosa sediada no antro corrupto da Palermo portuguesa – também conhecida por Palermo do Douro – de se justificar perante um dos seus grandes assaltos recentes (os 3-2 sobre o Glorioso de Portugal), apoiado na conivência de uma arbitragem suja e cobarde protagonizada pelo promíscuo aprendiz de pasteleiro, Artur Soares Dias, e sustentado num clima vergonhoso de terror, ameaças e coacções, mais parecendo um ambiente radical do terceiro-mundo, leva a que insistentemente essa agremiação mafiosa se justifique com newsletters em que a verdade é substituída pela mentira descarada e pela aldrabice tosca. Mas é assim o seu ADN. Não sabem, nem nunca souberam viver sem os seus habituais esquemas trapaceiros e terroristas, onde chafurdam símios ribeirinhos, cadastrados e criminosos, perigosos delinquentes que conseguem transformar uma cidade de Bem num coio onde impera a lei do submundo, do silêncio e do crime, os “cabanelas” e os “pintos” desta vida, em total promiscuidade com as autoridades, as polícias, a justiça e afins.

Enfim, uma podridão lamentavelmente validada por entidades superiores, cuja obrigação seria limpar da sociedade desportiva esta verdadeira pandemia marginal.

Esta ‘notícia’ foi mais uma vez a “bitória” da trapaça, do roubo escandaloso, a “bitória à porto” onde tudo valeu – desde a agressão de marega ao soco de pepe a Taarabt, passando pela ignominiosa marcação de uma grande penalidade por pressuposta ‘mão’ de Ferro, vítima imediatamente antes de um empurrão e agarrão do avançado azul e bronco tiquinho soares.
UM AUTÊNTICO ROUBO À MÃO ARMADA E A CÉU ABERTO!

Já nem sequer vou referir os insultos proferidos por mastim gonçalbes ao Mota talhante!
Uma bandalheira, num jogo em que a batota azul e branca das barracas de praia deu cartas!

NOTA
Estou cansado de tanta infâmia, de tanta ofensa e vilipêndio ao Benfica – nestes últimos dois meses na CS desportiva e não só, foi um fartar vilanagem em relação ao Glorioso, por tudo e por nada!
Guardei um silêncio sabático por respeito a quem sofre nestes tempos atribulados e de grandes incógnitas.
Já não bastavam os inimigos internos como é o caso de um bando de bastardos que se masturba no novogeraçãobenfica & quejandos, ainda aparecem estes hipócritas de Palermo do Douro a mentir com quantos dentes têm!


GRÃO VASCO



10.3.20

Os truques sujos da quadrilha de Palermo do Douro




“Presos por ter cão, presos por não ter!”

É assim o actual estado arbitral de Artur Soares Dias e Vasco Santos, dois dos mais importantes sustentáculos da corja corrupta de Palermo do Douro, vulgo fruta corrupção & putêdo neste campeonato e noutros anteriores!

Subscrevo integralmente as palavras de “Eusebius” no post de hoje no seu blogue “O Templo Sagrado”.

ASD e VS foram alvos de uma infame devassa, de uma ignomínia sem limites, vilipendidados até à exaustão.

Os labregos de Palermo do Douro sempre habituados de há 40 anos até hoje às vitórias corruptas, fazem de “roubar, roubar” o seu principal lema. Se, porventura isso não acontece a seu favor, outras palavras de ordem se sobrepõem – traulitada, coacção e “bluff”!

A “senha” foi logo passada em diversas TV’s por um perigoso bacamarte no canal do Chico Chen e pelo trauliteiro do costume na SIC N.
Desde “roubos” à “prisão” dos ditos apitadeiros, valeu tudo!
Foi um fartar vilanagem!

Desde domingo, após a barracada no antro corrupto, em que não conseguiram ir além de um empate a uma bola, desesperados por não terem conseguido empurrar o Glorioso de Portugal mais para baixo, atiram-se à equipa de arbitragem – árbitro e VAR - como se fossem eles os responsáveis pelo resultado final.

No entanto, a palavra gratidão não existe no seu vocabulário. São factuais os benefícios que tem usufruído nos seus jogos em que ASD arbitra – já lhes ofereceu em bandeja de ouro um campeonato, evitando marcar na Luz um penalty sobre Zivckovic a favor do Benfica. Os escândalos têm sido muitos, e os mais recentes envolveram as agressões de Marega e Pepe a Taarabt em que ASD assobiou para o ar e o penalty fantasma marcado a Ferro, sendo assim cúmplice num autêntico assalto ao Benfica.
Quanto a VS, a bandalheira é tanta - com a conivência de Fontelas Gomes - que este títere telecomandado já foi nesta época, sete vezes VAR em jogos do grémio da fruta, com escândalos sobre escândalos, cuja cereja no topo do bolo foi o penalty fantasma assinalado em Portimão a favor da trupe de Palermo do Douro.

Depois de todo o triste espectáculo dado pela quadrilha de Palermo do Douro desde domingo na execrável comunicação social indígena, aguardo com alguma expectativa a reacção de ASD e VS – este último a constatar, inclusive, o cerco ameaçador feito pelas milícias simiescas azuis e broncas à sua casa, nos arredores do Porto.

Curiosamente, não observámos os prostitutos habituais ganirem em defesa de ASD e VS, nem nenhum jagunço de Palermo do Douro a solicitar árbitros estrangeiros.
Porquê?
Porque o que a corja corrupta quer, é que ASD, VS e mais alguns, nos quais se incluem Jorge Sousa, Carlos Xistra, Manuel Oliveira e Rui Oliveira continuem a ser nomeados para os seus jogos, sendo estes, assim, previamente condicionados no sentido de prejudicarem os seus adversários e assim somarem os pontos necessários para serem campeões.
O desespero em Palermo do Douro é tanto, que a corja deita mão a tudo o que possa beneficiá-la – o “bluff” sobre a prestação de ASD e VS é o culminar de tanta vigarice e tanta falta de verdade desportiva, já para não falar na autêntica arruaça protagonizada pelo bovino do Jamor, um vergonhoso hipócrita.

É urgente denunciar estas manigâncias azuis e broncas e sensibilizar muitos Benfiquistas incautos de que não é só a baixa de forma da equipa do Glorioso que está em causa. O cerne da questão, e porque o grémio da fruta não justifica de modo algum a liderança pelas suas insuficientes e inconstantes prestações desde o início da época, são as manobras de Palermo do Douro para que a mafia da fruta continue a vencer.

Há que estarmos atentos e nunca baixar a guarda, apoiando em uníssono a nossa equipa, os nossos atletas.
Só eles serão capazes de chegar ao topo e dar-nos a alegria que todos merecemos!

GRÃO VASCO



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...