22.3.11

"O Matusalém da fruta"



Segundo a Bíblia, o patriarca com maior longevidade do Antigo Testamento foi Matusalém que viveu 969 anos. No top five estão também Jarede (962), Noé (950) Adão (930) e Sete (912).

E segundo A BOLA de hoje, temos actualmente um sério candidato a ultrapassar esse record de Matusalém – Miguel Sousa Tavares. E justificou assim a sua tentativa de ultrapassar os mil anos de vida:

- “Registem o que eu digo. Não hei-de morrer sem ver o FCP ultrapassar o Benfica em número de campeonatos”.

Bem pode esperar sentado, mas tem toda a legitimidade de tentar prolongar a sua vida, o mais que puder.

No entanto terá de ter a memória fraca, os seus ouvidos entupidos e exalar mau hálito da boca pois a higiene é inimiga da corrupção e do jogo sujo.
Para que o impossível acontecesse teria de apagar as roubalheiras de trinta anos, não querer ouvir as escutas e continuar a contar mentiras e disparates n’A BOLA. Em mil anos não poderá evitá-lo sempre. Haverá uma altura em que não poderá branquear anos e anos de batota e a chicanice acabará.
Esses dias estão mais próximos do que ele pensa e nessa altura acabará a sua bastarda arrogância.
A impunidade não dura sempre.

Acabei por ler o jornal completamente e guardei especialmente para o fim esse impagável artigo de opinião de Miguel Sousa Tavares, agora conhecido pelo Matusalém da fruta, profeta que quer viver mais de mil anos, para ver o seu grémio condenado por corrupção em manobras perigosas e fora-da-lei, tentar ultrapassar o Glorioso.

A leitura completa do artigo foi o momento hilariante do dia e provocou-me uma barrigada de riso igual àquela, quando há meses o “médium de pacotilha do Freixo” começou a falar para uma parede onde se encontrava uma foto do falecido “Cartola” – o primeiro a acender o rastilho de uma guerrilha suja e incontrolável – prometendo-lhe o título nacional da época passada e que como é do conhecimento geral foi parar brilhantemente às vitrinas da Luz.

Possìvelmente, há dois anos, MST disse o mesmo. E irá dizê-lo sempre que o seu grémio batoteiro ganhe campeonatos inquinados à quarta jornada.
Médiuns, profetas, bruxos e pascácios não faltam, nem nunca faltaram naquele grémio de trapaceiros, que hoje como sempre, recorre à violência gratuita para alcançar os seus intentos.

E o mestre “Albes do Celse”, mais o Delane e o d’Onofrio que não se esqueçam de reunir um concílio de modo a sintetizar um elixir da longa-vida que satisfaça os intentos do MST.

Com que estão não hás-de morrer, hein?

Verás os 40 do Benfica e verás as quatro estrelas ornando o emblema que odeias!
Isso te garanto que verás…e não é preciso ser profeta!


GRÃO VASCO

1 comentário:

Anónimo disse...

ESTES TIPOS QUEREM FAZER-SE
FORTES ÀS CAVALITAS DE TERCEIROS

BASTA QUE AQUELES
QUE TRANSPORTARAM O ANDOR
QUE NOS ÚLTIMOS
TRINTA ANOS OS FIZERAM
PASSEAR POR CIMA DE TÔDOS

DECIDAM ARREAR O ANDÔR

E DESSA FORMA LARGÁ-LOS
AO SEU DESTINO, COMO OS DEMAIS

LÁ SE VAI A BASÓFIA....

É SÓ OS AMARELOS OU PRETOS
QUEREREM

COMO DIZIA O OUTRO

ELES NÃO GANHARAM SÓZINHOS

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...