12.7.11

Cá como lá, lá como cá

 
Enquanto que na Suíça se trabalha a bom ritmo com muito para fazer, algumas incógnitas para resolver e grandes decisões para tomar, agradem elas a gregos ou a troianos – nunca fui fã de JJ e agora muito menos, mas as suas decisões, as suas escolhas deverão ser respeitadas, concordando-se ou não, e como é conveniente, sem muito alarido – em Lisboa, os Sapadores de Benfica foram chamados ao Estádio da Luz, na sexta-feira, para acudir a uma inundação que alagou completamente o relvado, numa situação imprevista à qual o sistema de rega foi alheio.

Na realidade, após uma série de semanas em que se chorou baba e ranho, mesmo com cheirinho a vendetta, por quem quis optar pelos ares fétidos e conspurcados da Falperra, eis que na sexta-feira passada se juntaram às carpideiras e marias amélias benfiquistas, uma cambada de chorões submissos oriundos de Alvalade e mesmo de Palermo que por pouco não afogaram os tratadores de relva do Estádio da Luz.

- Ai, o Moreira, coitadinho! Ai, aquele pobre diabo com doze anos de Benfica a ser também escorraçado e despachado! Ai, que isso não se faz! Ingratos! Mais um símbolo que se foi! Ai, que descaracterização! – ladrava aquela canzoada em redor do relvado.

Uma bastardice rasteira e nojenta que define bem quem e quais são os inimigos do Benfica. Dentro e fora.

E quando vejo, aquele anafado monte de sebo no “correio da manhã”, no suplemento desportivo de fim-de-semana a ferrar as habituais alfinetadas, criticar a gestão do Glorioso lacrimejando crocodilamente pela "malfeitoria" de Vieira a Nuno Gomes, com uma moral que só a tem no apelido, só me resta abanar-lhes aquelas cabeçorras podres e doentes, chocalhá-las e rebobinar-lhes o triste filme sobre Iordanov e a sua questão judicial com o Çeportèn. Uma película de longa-metragem, esta sim, bem desumana e insensível, que se arrastou anos e anos e que o grémio submisso perdeu vergonhosamente. Nos affaires da Pocilga de Palermo nem vale a pena falar, pois para esses, a mira é para apontar para os joelhos dos que tentam esboçar qualquer arrufo.

E o fartote vai decorrendo com tudo a ajudar. Desde a guerrilha suja dos records e correios das manhas, passando pelas fanfarronadas de vices vaidosos e acabando nos latidos contínuos dos mabecos do bota-abaixo da Gloriosasfera como contra-resposta, esta seria a melhor altura para haver um mínimo de contenção. Mas não.

Algum do Povo Benfiquista começa a adquirir maus hábitos – a assobiadela de anteontem, no jogo contra o Servette, aquando da entrada do Roberto para substituir o seu colega Artur Moraes é disso um flagrante exemplo.
Lá como cá.

Como a Nação Benfiquista mudou ao longo das últimas três décadas e sempre para pior…
E a essa cambada do bota-abaixo, só digo que arranjem outro clube ou arrepiem caminho quanto antes!

Fundamental, será que nestes próximos tempos, o Benfica e todos os adeptos estejam concentrados no alvo importante que é a 3ª pré-eliminatória da Champions League.
Palpites, análises, críticas e previsões são fait divers perfeitamente dispensáveis.

GRÃO VASCO

2 comentários:

Anónimo disse...

UEFA atenta a escândalo de manipulação de resultados na Turquia


Por Redacção

A UEFA garantiu hoje que está a acompanhar o escândalo relacionado com manipulação de resultados no campeonato da Turquia, esclarecendo ter toda a confiança na Federação daquele país para julgar os culpados.

Desta forma, o organismo que rege o futebol europeu diz que caberá à Federação turca (TFF) divulgar os clubes que têm direito a participar nas competições europeias na próxima época, descartando para já a possibilidade de vetar qualquer inscrição.

«Tendo em conta a informação recebida até agora pela UEFA, não há motivo, segundo os seus estatutos e regulamentos, para proibir a inscrição de qualquer dos clubes envolvidos actualmente nas investigações que estão a ser levadas a cabo na Turquia», pode ler-se num comunicado divulgado pela UEFA.

O escândalo rebentou no início do mês e já levou à detenção do presidente do Fenerbahc, actual campeão. Ainda hoje houve mais detenções, incluindo dirigentes do Besiktas, clube onde militam os portugueses Hugo Almeida, Ricardo Quaresma, Simão Sabrosa, Manuel Fernandes e Bebé.
22:47 - 12-07-2011

Anónimo disse...

Ai, o Moreira, coitadinho! Ai, aquele pobre diabo com doze anos de Benfica a ser também escorraçado e despachado! Ai, que isso não se faz! Ingratos! Mais um símbolo que se foi! Ai, que descaracterização! – ladrava aquela canzoada em redor do relvado

lol eu gosto sempre de vir ler as tuas prosas mesmo quando algumas delas pra mim sao completamente disparates ou seja quando n tou de acordo mas alegrame sempre ler a tua pagina

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...