19.8.12

Mais ruga, menos ruga



Mais ruga, menos ruga, o tempo não perdoa. É excedentário, mas mais dez meses pagos a pêso de ouro, pelo menos, já ninguém lhos tira. Vida de príncipe dizem uns, vida danada dirá o homem e o seu séquito, especialmente quem o tenta rejuvenescer para o tempo que lhe resta de contrato.

A verdade é que com ou sem rugas e não obstante a consecução de pequenos êxitos, o homem continua fiel a si próprio e às suas convicções e teimosias, nem que elas estejam por demais obsoletas e indiciem um défice de comunicação e raciocínio. Mas falta-lhe aquele toque de classe e de categoria, faltam-lhe aqueles rasgos de talento e sabedoria dos grandes momentos, que distinguem um mediano de um eleito.

Ontem o Benfica demonstrou frouxidão e muitos desequilíbrios, com jogadores enervados, a acusarem notòriamente a responsabilidade de um jogo de alta voltagem. E para espanto geral, alguns deles, muito embora já com a experiência da época passada, dando a noção de não saberem o que é jogar no Benfica e no Estádio da Luz, perante mais de 50.000 adeptos.

E não venham os teóricos das técnicas e das tácticas – nem sequer é este o teor do post – acenar com a bandeira negra do Melgarejo, os mesmos que excomungaram o Emerson. O jovem paraguaio lutou com tudo o que tinha e a haver um ónus para essa escolha, uma estapafúrdia solução – um sonho em que proliferam Coentrões às pazadas – terá de ser pago por quem não quer ver o óbvio.

É como disfarçar as rugas – o equívoco pode não estar visível, mas ele está lá e por um imponderável qualquer surge o golpe de teatro.

E ontem aconteceu novamente.

- O Coentrão não está no Real Madrid à custa de uma invenção? Não há vitórias, não há títulos, mas vende-se bem e ganham-se milhões! – atira o “mestre”, justificando-se.

E os adeptos?
Assistem à venda.

E o Benfica?
Vende, mas não ganha nada.

E por fim, uma disparatada conferência de imprensa pós-jogo. A de pré-jogo tinha sido já outro desastre. Como é possível elogiar um ladrão que roubou escandalosamente a vitória ao Benfica, invalidando-lhe um golo limpo e que até foi marcado por jogadores adversários?

É que um Benfica como o de ontem, àquele nível, só poderia proporcionar aquela “bela” exibição de Artur Soares Dias, sem dúvida a figura do jogo.

O Benfica jogou pouco, os “brácaros” com a ronha de sempre, assim-assim e Artur Soares Dias fez o resto - um “jogão”!

Avancemos para Setúbal no Mercedes do Bitó dos pífaros, prenda do patrão da Sport TV, o famigerado “Murdoch de Penafiel”…sem esquecer o bafo do Cardozo que provocou a invalidação do golo da vitória ao Glorioso e a salvação do Beto na baliza dos “brácaros” – será que o Quim irá rosnar como rosnou quando deixou de ter lugar no Benfica? – os cartões amarelos ao avançado paraguaio e ao Maxi, e o perdão da expulsão mais do que óbvia ao farsante das tranças pretas, mesmo a acabar o primeiro tempo.

GRÃO VASCO

6 comentários:

jzz disse...

Concordo integralmente com o texto! O homem parece que está a implorar pelodespedimento.

Ontem, na nojenta rtpn, o comentadeiro nuno dias disse:

- quanto ao golo invalidado ao benfica, nem vale a pena analisar, porque a falta é demasiado evidente.

Aliás, dos merdia que vi, nenhum se debruça sequer sobre o lance.

Não que o casmurro do jj merecesse ganhar o jogo, mas o certo é que poderiamos agora estar a crticá-lo com 3 pontos no bolso...

Atlas disse...

Atenção que criticar o treinador pode justificar a excumonhão por certos comentadores de blogs. O JJ é intocável porque senão vai para o porco com os bolsos cheios tornando-se assim num adversário do Benfica com a devida legalidade. Gostava tanto, mas tanto de estar errado mas só me surpreenderei se este campeonato ainda não foi devido à conjuntura das condições em geral e à influência do treinador em particular. A mim nem que fizesse o pino me conseguiria convencer que tem capacidade de extrair o melhor dos jogadores depois de certas opções que toma.

rui disse...

E ainda ouve ali 1 fora de jogo escandaloso que nao foi assinalado que so nao deu golo sabe la deus como.o arbitro apitou mas so depois de ter visto que nao deu golo. Bem,mas isto é um disparate isto é gozar com o povo..eu ja nem falo do trabalhito que o soares dias fez epoca passada em alvalade que nos retirou o pouco de esperança que tinhamos, a arbitragem ontem ate podia ter sido boa " e nao foi" o JJ nao é pago para andar a elogiar ladroes. E nao ouve ninguem la dentro que lhe espetou logo 2 putas nas bentas? Pois isso é que me deixa pena

Jotas disse...

Como sabes, sempre fui e continuarei a ser, até certo ponto, um defensor de uma política de continuidade, é minha convicção, que só assim se adquir um rumo e estabilidade, daí, a minha defesa ao longo da época passada na continuidade do treinador, mas esse facto, não me impede de achar que Jorge Jesus, no Sábado, foi o principal culpado do desaire desta 1ª jornada, não por causa de Melgarejo, apesar de este ter ficado intimamente ligado aos golos adversários, mas porque houve decisões que hoje me custam perceber e que sinceramente gostava que alguém me pudesse explicar.
Como de treinador nada tenho, falo apenas e só como adepto e como tal eis o meu entendimento e repito, alguém que me explique o que não consigo perceber:
O Benfica faz uma pré temporada a insistir num modelo de jogo que contemplava apenas um ponta de lança, numa espécie de 4-3-3 e depois apresenta-se no primeiro jogo oficial em 4-4-2, mas mais incompreensível ainda é ter visto Carlos Martins a fazer uma pré temporada soberba e depois não só não entra no 11, como vê entrar em campo Aimar que nem pré época fez devido a lesão, sinceramente, por mais que tente, não encontro uma explicação razoável para isto.
Seja como for, o que o Benfica preisa agora é de estabilidade, assentar ideias e claramente melhorar, a jornada acabou por não ser assim tão negativa.
O facto de ter sido Jorge Jesus quem me devolveu a ilusão e o prazer de voltar a ver jogar o Benfica, isso não me impede, nem pode impedir, de ver quando o erro crasso existe e na minha opinião, neste jogo ele foi o primeiro responsável pelo desaire, como certamente noutro foi o primeiro obreiro da vitória.

BENFIQUISTA DO CORAÇÃO disse...

OS SENHORES QUE MANDAM NA ARBITRAGEM
EM PORTUGAL TÊM QUE TOMAR MEDIDAS
QUE GARANTAM A VERDADE DESPORTIVA

E GARANTAM A IMAGEM PÚBLICA
DA ISENÇÃO

A ISENÇÃO É O ÁS DE TRUNFO
DE QUEM FAZ JULGAMENTOS

UM JUIZ SE LHE APARECER
UM JULGAMENTO QUE ENVOLVA UM FAMILIAR
PEDE ESCUSA DE JULGAR

MAS SE O NÃO FIZER
AS PARTES PODEM INVOCAR ISSO
PARA O AFASTAR DAS DECISÕES

SEGUNDO DIZEM, SOARES DIAS SERÁ CUNHADO
DO TREINADOR DO FCP

NÃO SABEMOS SE É VERDADE

MAS SE FOR VERDADE
(E ATÉ DIZEM QUE SE DÃO COMO IRMÃOS)
COMO É POSSÍVEL QUE TENHA SIDO NOMEADO ???
PARA APITAR O BENFICA ???

NEM ELE DEVIA ACEITAR
NEM ELE DEVIA TER SIDO NOMEADO

ELE FOI APITAR UM JOGO
QUE INTERESSAVA AO CUNHADO

E ISSO NÃO PODE ACONTECER
PARA SALVAGUARDA DA ISENÇÃO
DOS JULGAMENTOS FEITOS NO JOGO
E PARA SALVAGUARDA DO PRÓPRIO ÁRBITRO

É DO INTERESSE DO ÁRBITRO
QUE ISSO NUNCA MAIS VOLTE A ACONTECER.

MELHOR

SOARES DIAS NÃO DEVE MAIS APITAR JOGOS
DO FCP NEM DO BENFICA NEM DO SPORTING
NEM DO BRAGA NEM DE NENHUM CLUBE
QUE DISPUTE O TÍTULO COM O CLUBE
DO SEU CUNHADO

PONTO.

ELE NÃO EXPULSOU ALAN. E PODIA
ELE NÃO MARCOU PENALTI SOBRE RODRIGO. E PODIA
ELE NÃO MARCOU PENALTI SOBRE SALVIO. E PODIA
ELE ANULOU O GOLO DO CARDOSO. E NÃO PODIA
ELE SÓ MARCOU O PENALTI POR INDICAÇÃO DO FISCAL
ELE DEU UM AMARELO AO CARDOSO POR FITA DO GR

O ANO PASSADO EM ALVALADE
NÃO MARCOU O PENALTI DO GAITAN. E DEVIA
NÃO MARCOU O PENALTI SOBRE LUISÃO. E DEVIA
MARCOU O PENALTI "LIBELINHA" E NÃO DEVIA
PERDOOU A EXPULSÃO AO JOÃO PEREIRA E NÃO DEVIA
ETC

É EVIDENTE QUE FORAM ERROS INVOLUNTÁRIOS
MAS FORAM ERROS MUITO GRAVES

DOS QUAIS INDIRECTAMENTE BENEFICIARAM TERCEIROS

ORA ESTAMOS CERTOS QUE SÃO SITUAÇÕES
QUE O SR ARBITRO NÃO QUER REPETIR
E POR ISSO PARA SEU BEM
DEVE PEDIR ESCUSA OU A FPF DEIXAR DE O NOMEAR

É JUSTO

NÃO ACONTECER ISSO...
BOM ENTÃO, O FUTEBOL SERÁ UM MUNDO À PARTE
COM OUTRAS REGRAS, VÁ-SE LÁ SABER PORQUÊ !!!

BENFIQUISTA DO CORAÇÃO disse...

«Benfica é o abono de família de equipas como o V. Setúbal» - Fernando Oliveira


Por Redação
A- A A+


Na contagem decrescente para a receção ao Benfica, no próximo domingo, o presidente do V. Setúbal, Fernando Oliveira, diz que o clube da Luz «é o abono de família» das equipas mais pequenas do futebol português, sendo o único a garantir «uma boa casa» no Estádio do Bonfim.

«Temos tantos problemas. Só com o Benfica, honra lhe seja feita, conseguimos ter uma boa casa. Infelizmente, as outras equipas, mesmo as ditas grandes, não trazem aqui praticamente ninguém. O Benfica é o abono de família de equipas como o V. Setúbal. Espero que todos os simpatizantes aqui desta zona venham ver o seu Benfica, e, logicamente, o V. Setúbal», deseja o dirigente, em declarações à Renascença.

É VERDADE
MAS QUEM GANHA OS CAMPEONATOS
É QUEM DISTRIBIU FRUTA E CHOCOLATINHOS

O FUTEBOL PORTUGUÊS É UMA MENTIRA

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...