12.11.12

Afinal há dois!



Que havia um em Braga, já faz algum tempo, é certo e sabido. Ontem, apareceu o segundo!

 


Um “salvador” providencial que emergindo de uma fossa promíscua – um chafurdo sito à Rua Alexandre Herculano*, em Lisboa – “salvou” o desesperado lagartêdo de mais um desastre. De salientar que é naquela rua que se encontra o “escritório” do Bitó dos Pífaros, Antonino & associados, donde se enviam os ditos cujos ao domicílio (leia-se, jogos da 1ª Liga), consoante as pressões e conveniências de oportunas “visitas”, sejam elas feitas por Anteros do Freixo ou por Godinhos do Fôsso.

 

Pedro Proença, ontem mudou de nome – é agora o “salvador” do çeportèn.

 


Afinal o çeportèn também tem o seu “salvador”!

 

Quanto ao outro, o de Braga, provou do seu próprio veneno. Encaixou primeiro, um vexame acanalhado, ao ser “obrigado” a acompanhar um Godinho mesquinho, eivado de complexos, creditado agora em cicerone do museu do lagartêdo e por fim, limparam-lhe a “garganta” num tempo só – Proença, cínico, invalidou-lhe o golo limpo com que a sua equipa empatava o jogo. Salvador saiu humilhado pelo novo “salvador”.

 

Merecido?

 

Sem dúvida.

 

Salvador merece ter um tratamento destes, tão igual àquele que Godinho irá merecer quando avançar penosamente, na segunda volta, para o coio da Falperra. Lá estará a “gandaia” da Pedreira à sua espera para a vingançazinha da ordem.

 

* Tenho curiosidade em saber se o triste cicerone terá mostrado ao Salvador brácaro, as fotos e os nomes dos pirómanos e respectivos mandantes, seus prosélitos, que atearam o incêndio ao Templo Sagrado. È que essa vergonhosa estória também faz parte da saga museológica do seu grémio e que o zeloso ex-imediato dos paquetes se apressou a exibir em jeito de révanche ao seu homólogo bracarense.

Mas Salvador não as deixou cair em saco roto e aos microfones da Antena 1, não se esqueceu de referir as visitas, esta semana, à Rua Alexandre Herculano. Uma delas foi a do Godinho do Lagartêdo.
E quem foi ele visitar?

Não esqueçamos. Nada mais nada menos que Vítor Pereira, o chefe dos árbitros!

 

Tudo farinha da mesma saca!

 

 

Aguardo com alguma expectativa quem estará na calha para “dirigir” o jogo de 9 de Dezembro, no Fôsso do lagartêdo, quando o Glorioso aí se deslocar para o campeonato…

 

E nessa altura, bem espero que LF Vieira esteja com um tal “resfriado” que seja obrigado a ver esse jogo enfiado nos cobertores e em casa, tomando uma mèzinha de café com mel…

 

É que aquela escumalha do Fôsso e seu líder, bem à imagem dos seus prosélitos, não é digna de nada, absolutamente nada.

 

 

GRÃO VASCO

5 comentários:

Anónimo disse...

Aposto com quem quiser que na 11 jornada vamos ter olegario benquerença

Anónimo disse...

Ou o soares dias outra vez. fez um grande trabalho no ano passado e já este ano invalidou um golo limpo ao SLB, que nos roubou 2 pontos.

Por acaso... já alguém conseguiu ver em vídeo o lance do golo mal anulado ao Alan pelo corrupto do proença?

Parece que o lance foi "obliterado" dos resumos...

Agradecem-se links.

BENFIQUISTA DO CORAÇÃO disse...

CONCORDO E ACRESCENTO
QUE EM VILA DO CONDE
NÃO FÔRA UMA EXTRAORDINÁRIA DEFESA DE ARTUR
E A ESTA HORA TERIAMOS MENOS
DOIS PONTOS
NUM LANCE EM QUE A BOLA
ANDOU FORA DO CAMPO MEIO METRO

MAIS UM FISCAL
E UM APINTADOR AMESTRADOS

Jotas disse...

Absolutemente vergonhosa a actuação daquele que é apenas e só o maior rosto da corrupção no futebol nacional.

Anónimo disse...

Benfiquista do coração, tenho que ser honesto e dizer que a arbitraqgem ontem foi boa,esse lance do artur por acaso ele ate defendeu mas foi marcada bola fora,porque se nao me engano de seguida foi marcado pontape de baliza e nao canto

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...